Efrain Escudero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Efrain Escudero
Informações
Nascimento 15 de janeiro de 1986 (33 anos)
México San Luis Río Colorado, Sonora
Nacionalidade  Estados Unidos
Outros nomes Hecho em México (Feito no México)
Universidade Grand Canyon University
Pima Comunity College
Altura 1,75 m
Peso 70 kg
Divisão Peso Leve
Envergadura 180 cm
Modalidade Wrestling
Kickboxing
Luta por Estados Unidos Tempe, Arizona
Equipe MMA Lab
Período em
atividade
2006 - presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 35
Vitórias 24
Por nocaute 2
Por finalização 13
Por decisão 9
Derrotas 11
Por finalização 2
Por decisão 9
Ligações externas
Página oficial:
http://www.efrainescudero.com/
Cartel no MMA pelo Sherdog

Efrain Escudero (San Luis Río Colorado, 15 de janeiro de 1986) é um lutador mexicano, radicado nos Estados Unidos que atualmente compete na categoria Peso Leve do Ultimate Fighting Championship. Escudero foi o vencedor Peso Leve do The Ultimate Fighter: Team Nogueira vs. Team Mir.

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Início no MMA[editar | editar código-fonte]

Escudero iniciou sua carreira no MMA em 2006 no Rage in the Cage. Na organização, Escudero obteve sete vitórias consecutivas, todas por finalização. Esta sequência de apresentações foi o maior registrado no ano de 2007.

Escudero só lutava durante os meses de verão, porque ele lutava no colegial em tempo integral. Ele competiu pelo Pima Community College em 2006 e 2007. Esta é a mesma faculdade que formou os lutadores de MMA Drew Fickett, Jamie Varner e Jesse Forbes. Durante a temporada 2006-2007, Escudero conquistou o 7º lugaro no torneio nacional da NJCAA na categoria de 157lbs, fazendo de Escudero, oficialmente, um "All-American".

The Ultimate Fighter 8[editar | editar código-fonte]

Escudero foi um dos concorrentes do The Ultimate Fighter: Team Nogueira vs. Team Mir para a categoria Peso Leve. Ele venceu sua primeira luta contra Ido Pariente com um mata leão no primeiro round e conseguiu sua vaga na casa. Ele então derrotou Shane Nelson no segundo round após aplicar um triângulo na montada, o que lhe rendeu uma vaga na semifinal. Ele então venceu Junie Browning com um triângulo invertido no segundo round e conseguiu uma vaga na final. No The Ultimate Fighter: Team Nogueira vs. Team Mir Finale, Escudero conquistou o contrato com o UFC após derrotar Phillipe Nover por decisão unânime. Após receber o troféu, Escudero dedicou a vitória ao seu falecido pai, que morreu pouco antes de partir para o reality-show. Ele dedicou sua vitória ainda mais para quem nunca tinha perdido alguém que amava.

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Após a conquista do TUF 8, Efrain foi selecionado para enfrentar Jeremy Stephens no UFC Fight Night: Condit vs. Kampmann.[1] Efrain sofreu com uma lesão na costela que o obrigou a retirar-se da luta. Em uma entrevista on-line, organizado pelo seu próprio site oficial, Escudero confirmou que ele iria lutar Cole Miller no UFC 103. Antes de sua luta com Miller, Efrain disse ao FightLockdown.com: "Tenho treinado muito para bater nas pessoas. Minhas mãos estão melhorando a cada dia. Se eles querem manter a luta em pé, estou pronto e disposto a fazer isso."[2] No UFC 103, sua primeira luta "pós-TUF" contra Cole Miller, Escudero aplicou um impressionante nocaute no primeiro round.

Escudero sua primeira derrota profissional contra Evan Dunham no UFC Fight Night 20 por finalização no terceiro round.[3] Escudero se recusou a "bater" após encaixar a chave de braço e deixou o octógono sob supervisão médica antes da apresentação vitória, levando à especulação de que seu braço estava quebrado. Escudero tranquilizou os fãs via Twitter que o braço sofreu apenas danos tendão.[4]

Efrain enfrentou Dan Lauzon no UFC 114.[5] Ele venceu por decisão unânime (triplo 29-27) mesmo após o árbitro retirar um ponto dele após conectar um golpe acidental na virilha de Lauzon.[6]

Escudero era esperado para enfrentar John Gunderson em setembro de 2010 no UFC Fight Night: Marquardt vs. Palhares.[7] Escudero então foi escalado para enfrentar Matt Wiman após o oponente original de Wiman, Mac Danzig, sofrer uma lesão e ser obrigado a deixar o card. No entanto, Wiman também sofreu uma lesão e foi substituído por Charles Oliveira. [8]Escudero não conseguiu bater o peso, o que fez a luta Em Peso Casado.[9] Escudero perdeu por finalização, após Oliveira aplicar um mata leão no terceiro round.[10]

Em setembro de 2010, Escudero teve seu contrato rescindido com o UFC, fazendo dele, o segundo campeão do TUF a ser dispensado do UFC.[11]

Pós-UFC[editar | editar código-fonte]

Após deixar o UFC, Escudero obteve um cartel de 5-1, vencendo três de seus oponentes por finalização. Escudero enfrentou nomes como Fabrício Camões e Tyson Griffin e todas foram decidida pelos juízes, sofrendo uma derrota e uma vitória respectivamente.[12] [13]

Retorno ao UFC[editar | editar código-fonte]

Em seu retorno ao UFC, Escudero enfrentou Jacob Volkmann no UFC 141, substituindo o lesionado TJ Grant.[14] Ele perdeu a luta por decisão unânime, porém ficou muito perto de derrota Volkmann nos minutos finais.

Escudero enfrentou Mac Danzig em abril de 2012 no UFC 145.[15] Escudero perdeu por decisão unânime e foi dispensado pela organização pela segunda vez.[16]

Bellator MMA[editar | editar código-fonte]

Efrain assinou por uma luta com o Bellator Fighting Championships e enfrentou Cesar Avila no Bellator 55. Ele venceu por finalização após encaixar um guilhotina no primeiro round.

Escudero enfrentou Zack Surdyka no Bellator 100. Ele venceu por decisão unânime.

Terceira passagem pelo UFC[editar | editar código-fonte]

Apesar de supostamente assinar com o Titan Fighting Championships, Escudero mais uma vez assinou com o UFC. Ele era esperado para enfrentar Francisco Trinaldo em 13 de Setembro de 2014 no UFC Fight Night: Pezão vs. Arlovski II.[17] No entanto o polonês Łukasz Sajewski que era esperado para enfrentar Leonardo Santos, lesionou-se e foi obrigado a deixar o card. Escudero foi escolhido para substituir Sajewski e agora enfrentou Santos. Para enfrentar Trinaldo foi colocado Leandro Silva.[18] Ele foi derrotado por decisão unânime.

Escudero enfrentou Rodrigo Goiana de Lima em 14 de Fevereiro de 2015 no UFC Fight Night: Henderson vs. Thatch. Ele venceu a luta com facilidade por decisão unânime.

Escudero enfrentou Drew Dober em 13 de Junho de 2015 no UFC 188, no México e o venceu por finalização com menos de um minuto de luta.

Ele enfrentou Leandro Silva em 21 de Novembro de 2015 no The Ultimate Fighter: América Latina 2 Finale e foi derrotado por decisão unânime.

Escudero enfrentou Kevin Lee em 23 de abril de 2016 no UFC 197 e foi derrotado por decisão unânime.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Escudero foi um lutador pela Grand Canyon University. Embora ele tenha deixado a faculdade para se juntar ao UFC, ele finalmente conseguiu se formar em 2011 como bacharel em Ciência de Justiça Criminal.

Títulos e realizações[editar | editar código-fonte]

  • Superior Challenge
    • Campeão Peso Leve do Superior Challenge (Uma vez)

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Derrota 24–11 Estados Unidos Kevin Lee Decisão (unânime) UFC 197: Jones vs. St. Preux 23/04/2016 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Derrota 24–10 Brasil Leandro Silva Decisão (unânime) TUF América Latina 2 Finale 21/11/2015 3 5:00 México Monterrey
Vitória 24–9 Estados Unidos Drew Dober Finalização (guilhotina) UFC 188: Velasquez vs. Werdum 13/06/2015 1 0:54 México Cidade do México
Vitória 23–9 Brasil Rodrigo Goiana de Lima Decisão (unânime) UFC Fight Night: Henderson vs. Thatch 14/02/2015 3 5:00 Estados Unidos Broomfield, Colorado
Derrota 22–9 Brasil Leonardo Santos Decisão (unânime) UFC Fight Night: Pezão vs. Arlovski II 13/09/2014 3 5:00 Brasil Brasília
Vitória 22–8 Finlândia Juha-Pekka Vainikainen TKO (cotoveladas e socos) Superior Challenge X 03/05/2014 3 4:48 Suécia Helsingborg Venceu o SC Lightweight Championship.
Derrota 21–8 Estados Unidos Dakota Cochrane Decisão (unânime) RFA 13: Cochrane vs. Escudero 07/03/2014 3 5:00 Estados Unidos Lincoln, Nebraska
Vitória 21–7 Peru Luis Palomino Decisão (unânime) CFA 12: Sampo vs. Thao 12/10/2013 3 5:00 Estados Unidos Coral Gables, Florida
Vitória 20–7 Estados Unidos Zack Surdyka Decisão (unânime) Bellator 100 20/09/2013 3 5:00 Estados Unidos Phoenix, Arizona
Vitória 19–7 Estados Unidos Marcus Edwards Decisão (dividida) SCL: Live at the Stampede 29/06/2013 3 5:00 Estados Unidos Greeley, Colorado
Derrota 18–7 Brasil Jorge Patino Decisão (dividida) Max Sport: 13.2 11/05/2013 3 5:00 Brasil São Paulo
Derrota 18–6 Estados Unidos Tyson Griffin Decisão (unânime) RFA 4: Griffin vs. Escudero 02/11/2012 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Derrota 18–5 Estados Unidos Mac Danzig Decisão (unânime) UFC 145 21/04/2012 3 5:00 Estados Unidos Atlanta, Georgia
Derrota 18–4 Estados Unidos Jacob Volkmann Decisão (unânime) UFC 141 30/12/2011 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 18–3 Estados Unidos Cesar Avila Finalização (guilhotina) Bellator 55 23/10/2011 1 1:55 Estados Unidos Yuma, Arizona
Vitória 17–3 Estados Unidos Mike Rio Decisão (unânime) CFA 2: McCorkle vs. Hayes 23/07/2011 3 5:00 Estados Unidos Miami, Flórida
Derrota 16–3 Brasil Fabrício Camões Decisão (unânime) Tachi Palace Fights 9 05/05/2011 3 5:00 Estados Unidos Lemoore, Califórnia
Vitória 16–2 Estados Unidos Ashe Bowman Decisão (unânime) XCage: Predators 08/04/2011 3 5:00 México Tijuana
Vitória 15–2 Estados Unidos Jeremy Larsen Finalização (chave de braço) Rage In The Cage 148 29/01/2011 3 3:21 Estados Unidos Chandler, Arizona
Vitória 14–2 Estados Unidos Alfredo Martinez Finalização (mata leão) Desert Rage Full Contact Fighting 8 19/11/2010 1 1:14 Estados Unidos Somerton, Arizona
Derrota 13–2 Brasil Charles Oliveira Finalização (mata leão em pé) UFC Fight Night: Marquardt vs. Palhares 15/09/2010 3 2:25 Estados Unidos Austin, Texas Peso casado (159lbs), Escudero não bateu o peso.
Vitória 13–1 Estados Unidos Dan Lauzon Decisão (unânime) UFC 114 29/05/2010 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Derrota 12–1 Estados Unidos Evan Dunham Finalização (chave de braço) UFC Fight Night: Maynard vs. Diaz 11/01/2010 3 1:59 Estados Unidos Fairfax, Virginia
Vitória 12–0 Estados Unidos Cole Miller TKO (socos) UFC 103 19/09/2009 1 3:36 Estados Unidos Dallas, Texas
Vitória 11–0 Estados Unidos Phillipe Nover Decisão (unânime) The Ultimate Fighter 8 Finale 13/12/2008 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Venceu o TUF 8.
Vitória 10–0 Estados Unidos Tommy Wagner Finalização (socos) Full Moon Fighting 18/08/2007 1 1:12 México Puerto Peñasco
Vitória 9–0 Estados Unidos Eric Regan Finalização (mata leão) Rage in the Cage 99 18/08/2007 2 2:15 Estados Unidos Tucson, Arizona
Vitória 8–0 Estados Unidos Jon Kecks Finalização (triângulo) Cage Supremacy 2 22/07/2007 1 2:04 Estados Unidos Tucson, Arizona
Vitória 7–0 Estados Unidos TJ Zasa Finalização (mata leão) Cage Supremacy 24/06/2007 2 0:43 Estados Unidos Tucson, Arizona
Vitória 6–0 Estados Unidos Peter Newsheller Finalização (mata leão) Rage in the Cage 96 15/06/2007 1 1:13 Estados Unidos Tucson, Arizona
Vitória 5–0 Estados Unidos Jose Rodriguez Finalização (triângulo) Rage in the Cage 95 12/05/2007 1 2:29 Estados Unidos Fountain Hills, Arizona
Vitória 4–0 Estados Unidos Nic Stone Finalização (chave de braço) Rage in the Cage 93 20/04/2007 2 1:25 Estados Unidos Somerton, Arizona
Vitória 3–0 Estados Unidos Mike Smith Finalização (mata leão) RITC 92: Cronin vs Vigil 30/03/2007 1 2:57 Estados Unidos Phoenix, Arizona
Vitória 2–0 Estados Unidos Joe Cronin Decisão (unânime) RITC 84: Celebrity Theatre 01/07/2006 3 3:00 Estados Unidos Phoenix, Arizona
Vitória 1–0 Estados Unidos Chris Collado Finalização (estrangulamento) RITC 83: Rampage 10/06/2006 1 N/A Estados Unidos Fountain Hills, Arizona

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 25 de março de 2009 
  2. «FLD Exclusive Interview with Efrain Escudero». FightLockdown. Consultado em 4 de agosto de 2009. Arquivado do original em 10 de agosto de 2009 
  3. «UFC Fight Night 20 recap». mmajunkie. 12 de janeiro de 2010. Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 13 de janeiro de 2010 
  4. https://www.twitter.com/effyescudero/status/7660755026
  5. «MRI results encouraging for Efrain Escudero, bout with Dan Lauzon a go for UFC 114». Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 15 de fevereiro de 2010 
  6. «UFC 114 Live results and play-by-play». mmaweekly.com. 29 de maio de 2010. Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 6 de agosto de 2010 
  7. «Efrain Escudero vs. John Gunderson targeted for UFC Fight Night 22». mmajunkie. 10 de julho de 2010. Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 13 de julho de 2010 
  8. «Cópia arquivada». Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 20 de agosto de 2010 
  9. «UFC Fight Night 22 live weigh-in results». mmajunkie.com. 14 de setembro de 2010 
  10. «UFC Fight Night 22 live play by play and live results». mmajunkie.com. 15 de setembro de 2010. Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 21 de setembro de 2010 
  11. «After UFC release, TUF 8 winner Efrain Escudero talking to Strikeforce, Bellator». mmajunkie.com. 20 de setembro de 2010. Consultado em 3 de setembro de 2014. Arquivado do original em 22 de setembro de 2010 
  12. Joseph Zigler. «Montague Mauls Gomez, McCall e 'Formiga' no TPF 8». Sherdog 
  13. «RFA com os veteranos do UFC Gilbert Yvel, Marcio Cruz, Tyson Griffin e Efrain Escudero». Consultado em 23 de agosto de 2011 
  14. Stupp, Dann (6 de Dezembro de 2011). «'TUF 8' champ Escudero returning to UFC, meets Volkmann at UFC 141». MMAjunkie.com. Consultado em 6 de dezembro de 2011. Arquivado do original em 8 de dezembro de 2011 
  15. «UFC 145; seven bouts shift to Atlanta». mmajunkie.com. 20 de janeiro de 2012 [ligação inativa]
  16. Anton Tabuena (4 de junho de 2012). «UFC Releases Several Fighters From Their Roster». bloodyelbow.com 
  17. Steven Marrocco (15 de julho de 2014). «Efrain Escudero returns to the octagon at UFC Fight Night 51». mmajunkie.com 
  18. «Léo Santos enfentar Escudero e Massaranduba pega Leandro Buscapé no UFC de Brasília». tatame.com.br. 28 de Agosto de 2014