Enel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Enel
Enel SpA.
Slogan "Energy in tune with you"
Tipo Empresa de capital aberto
Cotação Borsa Italiana: ENEL
Indústria Energia
Fundação 1962
Sede Roma,  Itália
Áreas servidas Itália, Espanha, França, Bélgica, Grécia, Bulgária, Eslováquia, Brasil, Romênia, Rússia, Nicarágua, El Salvador, Chile, Panamá, Costa Rica
Proprietário(s) Governo da Itália
Presidente Paolo Andrea Colombo
Vice-presidente Fulvio Conti (CEO)
Empregados 75.981[1]
Produtos Geração e distribuição de Energia elétrica, gás natural
Subsidiárias Endesa
Enel Green Power
Empresa Nacional de Geotermia
Enel Brasil
Enel North América
CESI
Valor
de mercado
Aumento EUR 38,6 bilhões (Mar/2014)
Lucro Aumento EUR 3,1 bilhões (2013)[2]
LAJIR Aumento EUR 17,0 bilhões (2013)
Faturamento Baixa EUR 80,5 bilhões (2013)[3]
Página oficial www.enel.com

Enel SpA (ENEL) é uma empresa italiana com sede em Roma que atua na geração e distribuição de energia elétrica e na distribuição de gás natural. A Enel, cujo nome é um acrónimo de "Ente nazionale per l'energia elettrica", foi fundada em 1962 por lei reunindo diversas pequenas empresas do ramo.

É a maior companhia de energia elétrica da Itália[4] e a quinta maior companhia de energia do mundo.[5] Maior acionista da empresa é, com 21,10%, o ministério italiano da economia e finanças.[1]

Em 2007, a empresa (junto com a construtora Acciona) comprou a empresa Endesa, maior companhia de energia da Espanha[6] , e - com a saída de Acciona em 2009 - passou a controlar toda a companhia.[5]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Enel