Estádio do Bonfim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estádio do Bonfim

Nome Estádio do Bonfim
Características
Local Setúbal
Gramado (107m x 69m)
Capacidade 15 497[1]
Construção
Inauguração
Data 16 de setembro de 1962
Recordes
Público recorde 43 000
Outras informações
Proprietário Vitória de Setúbal
Arquiteto Cândido Palma de Melo
Mandante Vitória de Setúbal

O Estádio do Bonfim é um estádio de futebol onde joga o Vitória de Setúbal e localiza-se em Setúbal, no centro da cidade. Foi inaugurado a 16 de Setembro de 1962. O Estádio está situado junto ao Parque do Bonfim e já teve capacidade para cerca de 40.000 espectadores. Após a colocação de cadeiras individuais e o encerramento ao público dos dois peões inferiores visando um maior conforto dos espectadores viu reduzida a sua lotação oficial para cerca de 20.000 lugares. Em 2017, o Estádio encontrava-se homologado com uma capacidade para 15 497 espectadores.[2]

É um dos símbolos principais da cidade de Setúbal estando localizado no centro urbano ao contrário de outros estádios em Portugal.

História[editar | editar código-fonte]

O estádio do Bonfim foi sucessor do antigo Campo dos Arcos, casa do Vitória de 1913 a 1962. Foi mandado construir pelo então histórico presidente Mário Lêdo, e foi construído entre 1953 a 1961, com a ajuda da cidade e do povo, que muito se esforçou para o Vitória ter um estádio digno do seu nome. Foi inaugurado no dia 16 de setembro de 1962, com um desfile de modalidades, casa cheia, também estiveram presentes Américo Tomás (o presidente da república) e também António de Oliveira Salazar (primeiro ministro) e fez-se a estreia em campo num jogo contra a Académica (perdendo por 1-0). Desde lá para cá foi palco de inúmeros acontecimentos desportivos de onde se destaca obviamente os jogos do Campeonato Nacional de Futebol da 1ª Divisão e da Taça de Portugal, bem como alguns jogos internacionais, não só da equipa setubalense, mas também da própria Selecção Nacional de Portugal. Foi em tempos uma das mais modernas infra-estruturas desportivas em Portugal tornando-se, com o passar dos anos, um dos mais tradicionais estádios do futebol português. Também albergou a final da Supertaça Cândido de Oliveira em 2001-2002.

A iluminação do estádio inaugurou-se em 1970, numa vitória contra o Sporting Gijón por 2-1 e a partir daí o Vitória pôde passar a jogar os jogos europeus em sua casa. Tem 4 postes de iluminação com 46 metros cada um. Todavia é hoje uma obra desactualizada. A UEFA não credenciou o recinto para provas internacionais, razão pela qual o Vitória de Setúbal teve que disputar a Taça UEFA em Lisboa na sua ultima participação.

O estádio teve a maior enchente num jogo contra o Spartak Moscovo nos 1/8 de final da Taça UEFA em 1971/72 onde estiveram 43.000 espectadores, e no qual o Vitória venceu por 4-0, com 2 golos de José Torres, 1 golo de Jacinto João e 1 golo de Octávio Machado.

  1. vfc.pt. Vitória Futebol Clube https://vfc.pt/clube/bonfim/. Consultado em 9 de setembro de 2017  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  2. vfc.pt. Vitória Futebol Clube https://vfc.pt/clube/bonfim/. Consultado em 9 de setembro de 2017  Em falta ou vazio |título= (ajuda)