Filosofia social

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A filosofia social se ocupa de questões referentes ao significado e à essência da sociedade, considerando sua trajetória, suas mudanças e tendências, bem como as relações entre o indivíduo e a comunidade e as estruturas de convivência.

Em parte é uma variante da filosofia. Há certamente uma interseção com a sociologia, mas, de fato, a filosofia social trata de uma ampla variedade de temas - dos processos cognitivos individuais à legitimidade das leis; dos contratos sociais às revoluções - e tem várias outras conexões com as demais áreas das ciências sociais. Há também uma considerável área de sobreposição entre a filosofia social e a ética, a filosofia política, a filosofia do direito, a filosofia da linguagem e a epistemologia social.

Temas relevantes em filosofia social[editar | editar código-fonte]

Postscript-viewer-blue.svgVer também a categoria: Filosofia social

Alguns filósofos sociais[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre filosofia/um(a) filósofo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia