Flufenazina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O cloridrato de Flufenazina é um medicamento antipsicótico.[1]

Nomes comerciais: Permitil®, prolixim® e outros.

Administração[editar | editar código-fonte]

Em comprimidos ou gotas, duas a três vezes por dia, com ou sem alimentos. Não misturar com cafeína (chá preto, refrigerante cola) nem suco de maça. Não diminuir a dose bruscamente!!

Farmacodinâmica[editar | editar código-fonte]

Ele atua bloqueando principalmente os receptores dopaminérgicos D2 e D3, sendo deste modo um antipsicótico de alta potência. Pode ainda desencadear bloqueio dos receptores D1, D4, alfa1 e H1. [2]

Possui forte ação extrapiramidal e fraca antiemética, mas tem pouco efeito anticolinérgico, hipotensivo e sedativo.

Efeitos colaterais[editar | editar código-fonte]

Alguns dos possíveis efeitos colaterais são[3] :

  • Dor abdominal
  • Sono
  • Fraqueza ou cansaço
  • Nervosismo ou ansiedade
  • Insônia ou pesadelos
  • Boca seca e pele mais sensível à luz solar
  • Alterações no apetite ou peso
  • Prisão de ventre
  • Dificuldade em urinar ou micção freqüente
  • Alterações no desejo ou capacidade sexual
  • Suor excessiva

Os efeitos colaterais são potencializados pelo álcool.

Referências