Hajime Isayama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ícone de esboço Este artigo sobre mangá e anime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Hajime Isayama
Hajime Isayama.png
Nome completo 諫山 創
Nascimento 29 de agosto de 1986 (34 anos)
Local Oyama, Oita
Nacionalidade  Japão
Trabalhos de destaque Shingeki no Kyojin

Hajime Isayama (諫山 創 Isayama Hajime; Oyama, Oita, 29 de agosto de 1986) é um mangaká e escritor japonês.[1]

É conhecido por sua primeira série de mangá, ainda em andamento, Shingeki no Kyojin, que foi publicada inicialmente em setembro de 2009 na revista mensal Bessatsu Shōnen Magazine, da editora japonesa Kōdansha, e se tornou um dos mangás mais vendidos de todos os tempos, com 96 milhões de cópias em circulação em setembro de 2019.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Isayama nasceu em Oyama, distrito de Oita, Japão.[2] Ele estudou no colégio Hita Rinko Senior High School e foi ali que ele começou a apresentação de trabalhos de mangá para concursos. Depois de se formar, ele se matriculou no programa de desenho mangá do Departamento de Artes de Kyushu Designer Gakuin, em Fukuoka. Em 2006, ele recebeu um prêmio no "Magazine Grand Prix" promovido pela editora Kodansha por sua obra Shingeki no Kyojin.[3] Aos vinte anos, ele se mudou para Tóquio e trabalhou em um cyber café a fim de prosseguir com a carreira de mangaka.

Em 2018, aos 32 anos, Hajime casou-se discretamente com uma moça não famosa. O matrimônio veio a público através de um cartão de Natal de 2019, onde havia um esboço de Isayama e de sua esposa em forma de titã, fazendo referência à sua obra Shingeki no Kyojin.

Referências

  1. «Isayama Hajime» (em inglês). Baka-Updates Mangá. Consultado em 4 de janeiro de 2015 
  2. «'Attack on Titan' author expresses fears through popular boys' manga» (em inglês). Asahi Shimbun. 20 de julho de 2013. Consultado em 4 de janeiro de 2015 
  3. «7月期MGP結果大発表!!». 講談社コミックプラス (em japonês). Kodansha. 2009. Consultado em 4 de janeiro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]