Isocaproato de testosterona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Estrutura química de Isocaproato de testosterona
Isocaproato de testosterona
Star of life caution.svg Aviso médico
Nome IUPAC (sistemática)
[(8R,9S,10R,13S,14S,17S)-10,13-dimethyl-3-oxo-1,2,6,7,8,9,11,12,14,15,16,17-dodecahydrocyclopenta[a]phenanthren-17-yl] 4-methylpentanoate
Identificadores
CAS ?
ATC ?
PubChem 231084
Informação química
Fórmula molecular C25H38O3 
Massa molar 386.576 g/mol
Farmacocinética
Biodisponibilidade ?
Metabolismo Fígado, Testículo e Próstata
Meia-vida 4-6 dias
Excreção Urina
Considerações terapêuticas
Administração Injeção intramuscular, transdérmica (creme, gel ou patch), oral, sub-'Q' pellet
DL50 ?

Isocaproato de testosterona é um esteroide anabolizante, com poder androgênico. É um éster e forma sintética da testosterona. Tem uma meia-vida de aproximadamente 4-6 dias (de acordo com a classe de carbonos de sua composição) e seu poder anabólico é questionável.[1][2]

No Brasil, o isocaproato de testosterona é encontrado na composição do fármaco Durateston, junto de outros ésteres de testosterona. Laboratórios clandestinos e legalizados em outros países não costumam fabricar esta droga de maneira singular, apenas em combinação com outros ésteres.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Morton, I. K.; Hall, Judith M. (6 de dezembro de 2012). Concise Dictionary of Pharmacological Agents: Properties and Synonyms (em inglês). [S.l.]: Springer Science & Business Media. ISBN 9789401144391 
  2. BULA/EMBALAGEM DURATESTON, Organon Pharmaceuticals