Jet set

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Jet set (em inglês, literalmente, "conjunto de pessoas que se deslocam de avião a jato") é uma expressão cunhada nos anos 1950, atribuída ao colunista de fofocas do New York Journal American, Igor Cassini,[1] para designar um grupo social com poder aquisitivo suficiente para viajar frequentemente de avião a jato.

O termo foi introduzido quando 1951, quando a BOAC, em 2 de maio de 1952, começou a operar vôos comerciais utilizando o avião de Havilland Comet. A primeira rota típica do jet set foi LondonNew York, inaugurada em outubro de 1958. Em razão do alto preço dos bilhetes, jet set identificava a elite financeira da sociedade.

Brasil[editar | editar código-fonte]

Na imprensa brasileira, o termo foi substituído por socialite (ou "patricinhas" e "mauricinhos", para os mais jovens), termo que também deriva da língua inglesa (pron. (sō'shə-līt').

Ainda mais contemporaneamente, estes mesmos "novos ricos" são também chamados de emergentes e que, após a bipolaridade política agudizada pelas eleições presidenciais de 2014, tornaram-se quase sinônimo dos adeptos de ideologias de direta/ultra-direita, quando passou a ser utilizada a alcunha coxinha, para ambos os gêneros. [2]

Referências