John Leycester Adolphus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
John Leycester Adolphus
Nascimento 1795
Londres
Morte 24 de dezembro de 1862 (67 anos)
Nacionalidade Flag of the United Kingdom.svg britânica
Ocupação Advogado, jurista, escritor

John Leycester Adolphus (Londres, 1795 - 24 de dezembro de 1862) foi um advogado, jurista e escritor inglês. Era filho de John Adolphus (1768-1845), um conhecido barrister de Londres, que escreveu A History of England to 1783 (1802), A History of France from 1790 (1803) e outros trabalhos.

Adolphus foi educado na Merchant Taylors' School, Cidade de Londres, e no St John's College, em Oxford. Em 1821 publicou Letters to Richard Heber, Esq., no qual discute a autoria dos Romances Waverley, até então anônimos, e atribui-os à autoria de Sir Walter Scott. Esta conclusão foi baseada na semelhança dos romances em grande estilo e método com os poemas de Scott. Scott pensou, a princípio, que as cartas haviam sido escritas por Reginald Heber, mais tarde, bispo de Calcutá, e a descoberta da identidade de John Leycester Adolphus tornou-os grande amigos.

Adolphus foi chamado para trabalhar como advogado no tribunal inglês em 1822, e seu Circuiteers, an Eclogue, é uma paródia do estilo de dois de seus colegas de trabalho. Tornou-se juiz do Tribunal da Comarca de Marylebone, em 1852, e foi um bencher do Inner Temple. Foi autor de Letters from Spain em 1856 e 1857 (1858), e estava completando a "History of England" de seu pai, no momento da sua morte, em 24 de dezembro de 1862.

Referências


Cargos legais
Precedido por
Desconhecido
Solicitador-Geral de Durham
1855–1862
Sucedido por
John Archibald Russell