José Manuel Saraiva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
José Manuel Saraiva
Nascimento
Oliveira do Hospital,  Portugal
Género literário Romance, conto

José Manuel Saraiva (Santo António de Alva, Oliveira do Hospital, 1946- ), é um jornalista e romancista português contemporâneo.

Enquanto jornalista trabalhou com frequência para O Diário, Diário de Lisboa, Grande Reportagem e Expresso, e esporadicamente com diversos outros jornais e revistas.

Foi o autor de Madina do Boé—A Retirada e De Guilege a Gadamael—O corredor da morte, documentários produzidos pela SIC sobre a guerra colonial. Foi também o guionista do telefilme A Noiva, realizado por Galvão Teles.

A sua primeira incursão no romance, ocorreu em 2001 com As lágrimas de Aquiles. Em 2005, publicou Rosa Brava, baseado na vida de Leonor Teles de Menezes. E em 2008 editou Aos Olhos de Deus, novamente a partir de um facto histórico, desta vez a grande embaixada enviada ao Papa Leão X pelo rei D. Manuel I, m 1514 e em 2011 editou A terra toda. Em 2015, publicou o livro O Bom Alemão.[1]

Obra Publicada[editar | editar código-fonte]

  • O Bom Alemão (Clube do Autor, 2015);
  • A última carta de Carlota Joaquina (Porto Editora, 2014)
  • A Terra Toda (Porto Editora, 2011)
  • Rosa Brava (2010, BIS);
  • Aos olhos de Deus (Oficina do Livro, 2008)
  • As lágrimas de Aquiles (Oficina do Livro, 2001)


Referências