Le souffle au cœur

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Le souffle au cœur
Sopro no coração (PT)
O sopro no coração (BR)
 França  Alemanha  Itália
1971 •  cor •  118 min 
Direção Louis Malle
Roteiro Louis Malle
Elenco Benoît Ferreux
Lea Massari
Daniel Gélin
Michael Lonsdale
Género drama
Idioma francês
Página no IMDb (em inglês)

Le souffle au cœur (br: O sopro no coração - pt: Sopro no coração) é um filme de co-produção francesa, alemã e italiana de 1971, do gênero drama, dirigido por Louis Malle. É considerado uma das obras mais polêmicas de Malle, pois lida com o tema do incesto.

A fotografia é de Ricardo Aronovich e a trilha sonora de Sidney Bechet e Charlie Parker.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Na França dos anos 1950, Laurent Chevalier é um jovem de quinze anos, filho de uma famíla burguesa de Dijon. Não se dá muito bem com seu pai, nem com seus irmãos. É apaixonado por sua mãe, Clara, mulher muito livre que está cansada do marido. Laurent está naquela idade quando tudo é revolta. É a transição da infância para a adolescência, são as primeiras experiências sexuais. Depois de uma escarlatina, contrai um problema no coração, e vai se tratar em uma estação climática, acompanhado de sua mãe. Longe de casa, com todo o tempo do mundo só para eles, aprofundam essa relação de paixão que os une.

Dirigido pelo grande diretor francês Louis Malle, O Sopro do Coração é um filme amoroso e verdadeiro sobre amor e liberdade.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 1973 (EUA)

  • Indicado na categoria de melhor roteiro original.

Festival de Cannes 1971 (França)

KCFCC Award 1973 (Kansas City Film Critics Circle Awards, EUA)

  • Vencedor na categoria de melhor filme estrangeiro.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]