Leaves of Grass

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leaves of Grass
Folhas de Erva (PT)
Folhas de Relva (BR)
1860 LeavesOfGrass Thayer Eldridge NYPL.jpeg
Capa de uma edição de 1860
Autor (es) Walt Whitman
Idioma Inglês
País  Estados Unidos
Género Poesia
Lançamento 4 de julho de 1855 (160 anos)
Edição portuguesa
Tradução Maria de Lourdes Guimarães, José de Agostinho Baptista
Editora Círculo de Leitores, Relógio D'Água, Assírio & Alvim
Lançamento 2006
ISBN ISBN 972-42-3645-5
Edição brasileira
Tradução Rodrigo Garcia Lopes
Bruno Gamabarotto
Editora Iluminuras
Hedra

Leaves of Grass (Folhas de Relva (título no Brasil) ou Folhas de Erva (título em Portugal)) é a magnum opus do poeta estadunidense Walt Whitman, editada em 1855, no Brooklyn, Nova Iorque. A obra teve sete edições entre os anos de 1855 e 1892 e apenas a última dela, a "do leito de morte", era autorizada pelo autor.[1]
Folhas de Relva (título no Brasil) ou Folhas de Erva (título em Portugal) ainda é considerada uma das grandes obras americanas do século XIX e estabelece Whitman como o pai da poesia norte-americana moderna com este livro.[2]

Com esta obra, Walt Whitman inventou um novo tipo de poesia para uma nova nação. O livro foi primeiro visto como bizarro e obsceno - um crítico disse que o autor deveria ser açoitado em público. Através de revisões e adições ao livro até à sua morte, Whitman atingiu o seu objetivo, criando uma nova Bíblia para poetas americanos.[3]

Edições[editar | editar código-fonte]

 Brasil

  • Folhas de Relva, tradução de Rodrigo Garcia Lopes, Editora Iluminuras, 2005. ISBN 8573212411 (concorreu ao prêmio Jabuti de melhor tradução em 2008[4] )
  • Folhas de Relva - edição de leito de morte, tradução de Bruno Gamabarotto, Editora Hedra, 2011. ISBN 8577152464

 Portugal

  • Folhas de erva - edição de Agostinho da Silva, 1943.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.