Lethal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lethal
Lethal (2014)
Informação geral
Origem Buenos Aires
País  Argentina
Gênero(s) Thrash metal, speed metal, groove metal
Período em atividade 1988-1999
2004 - atualmente
Gravadora(s) Halley Records
Iguana Records
Roadrunner
SUM Records
Influência(s) Black Sabbath, Sepultura
Integrantes Tito García (vocal)
Eddie Walker (baixo)
Ramón López (guitarra)
Sergio Gomez (bateria)

Lethal é uma banda de heavy metal, formada no município Villa Martelli de Buenos Aires (Argentina), em 1988.[1]

História[editar | editar código-fonte]

O grupo se formou em Villa Martelli em 1988. Inicialmente era uma banda tradicional de heavy metal, mas logo mudou para Thrash metal.[2] Seu álbum de estréia foi "Bienvenidos a mi reino" em 1990, que foi gravado quase que inteiramente em inglês e incluiu a música "King of the Ring".[3] A música foi eleita a melhor canção argentina do ano em uma pesquisa entre os leitores da revista Madhouse.[2]

Em 1993, a banda lançou um álbum ao vivo na prisão de Lisandro Olmos, o disco Radio Olmos, juntamente com algumas bandas argentinas, como Hermetica, Pilsen, Attaque 77, Massacre e A.N.I.M.A.L., bem como o British U.K. Subs.[4] Eles também tocaram como um ato de abertura para Sepultura, Pantera e Antrax.[2]

Eles lançaram dois álbuns de sucesso, "Maza" e "Efecto Tequila".[2] Seu guitarrista original, Charly Guillén, deixou a banda em 1996 e morreu de HIV no mesmo ano.[5] A banda teve uma pausa e, em 1999, lançou seu quinto álbum, intitulado "Lethal 5.0", que não foi amplamente divulgado, então a banda anunciou sua separação um ano depois.[6]

Em 2007, a banda reformou e lançou mais tarde seu sexto material de estúdio, intitulado "Inyección Lethal" com uma nova formação em 2010. Em 2015, eles lançaram seu sétimo álbum chamado "Hasta la muerte".[7]

Os membros da banda[editar | editar código-fonte]

Ano

Membros

Instrumento musical

em 1987-1988
  • Tito García
  • Charly Guillén
  • Claudio Ortiz
  • Pablo Alvarez
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1988
  • Tito García
  • Charly Guillén
  • Javier Cuevas
  • Pablo Alvarez
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1989
  • Tito García
  • Charly Guillén
  • Claudio Ortiz
  • Pablo Alvarez
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1989-1991
  • Tito García
  • Charly Guillén
  • Oscar Castro
  • Pablo Alvarez
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1991
  • Tito García
  • Charly Guillén
  • Oscar Castro
  • Topo Yañez
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1991-1995
  • Tito García
  • Charly Guillén
  • Claudio Ortiz
  • Eddie Walker
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Guitarra
  • Bajo
  • Batería
em 1995-1997
  • Tito García
  • Claudio Ortiz
  • Eddie Walker
  • Luis Sanchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1997-1999
  • Tito García
  • Claudio Ortiz
  • Eddie Walker
  • Diego Yorio
  • Vocal
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 1999-2000
  • Tito García
  • Claudio Ortiz
  • Eddie Walker
  • Diego Yorio
  • Gustavo Barral
  • Vocal
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
  • Samplers
em 2004
  • Tito García
  • Claudio Ortiz
  • Eddie Walker
  • Luis Sánchez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 2007-2009
  • Tito García
  • Claudio Ortiz
  • Eddie Walker
  • Sergio Gomez
  • Vocal
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria
em 2009-Presente
  • Tito García
  • Ramon Lopez
  • Eddie Walker
  • Sergio Gomez
  • Voz
  • Guitarra
  • Baixo
  • Bateria

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de Estúdio[editar | editar código-fonte]

  • 1990: Bienvenidos a mi reino
  • 1992: Warriors
  • 1994: Maza
  • 1996: Efecto tequila
  • 1999: Lethal 5.0
  • 2010: Inyección Lethal
  • 2015: Hasta la muerte

Ao vivo[editar | editar código-fonte]

  • 1993: Radio Olmos
  • 2012: En vivo a través de los años (DVD)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Biografía de Lethal Consultado em 15 de julho de 2015
  2. a b c d Letahl: "Tocar es lo que me mantiene vivo" Consultado em 15 de julho de 2017
  3. Lethal Consultado em 15 de julho de 2017
  4. Radio Olmos – 1993 Consultado em 15 de julho de 2017
  5. Me gusta leer Cap. 35 Consultado em 15 de julho de 2017
  6. Biografía de Lethal Consultado em 15 de julho de 2017
  7. Lethal: "Este disco simboliza lo que es ser metalero" Consultado em 15 de julho de 2017

Ligações externas[editar | editar código-fonte]