Luigi Negri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Luigi Negri
A foto oficial de Luigi Negri no site da Cámara
Secretário nacional da Lega Lombarda
Período 1993-1995
Antecessor(a) Umberto Bossi
Sucessor(a) Roberto Calderoli
Dados pessoais
Nascimento 4 de agosto de 1956 (65 anos)
Codogno, Itália
Nacionalidade italiano
Alma mater Politecnico di Milano
Cônjuge Elena Gazzola
Partido Liga Norte
Profissão Arquiteto, político

Luigi Negri (Codogno, 4 de agosto de 1956) é um político e arquiteto itáliano, que foi deputado desde 1992 até 2001, e que hoje è colecionista de porcelanas antigas.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido em Codogno 1956, formou-se em arquitetura no Politécnico de Milão defendendo uma tese sobre Giovanni Battista Barattieri e l'Architettura delle acque (Giovanni Battista Barattieri e a arquitetura das águas). A sua paixão pela história da arte levou-o a aprofundar sobretudo o estudo da porcelana e a colecioná-la.

Aplica-se em particular ao estudo da porcelana alemã, em particular a de Meissen, a primeira manufatura europeia, fundada em 1710. Participa em inúmeras exposições nacionais e internacionais, incluindo a Esposizione antiquari milanesi em Milão, a Mercateinfiera em Parma e o Salão antiquários em Antibes.

Durante sua carreira politica, de 1992 até 2021, foi membro de varias comissões parlamentares. No início da 13ª legislatura, o presidente da Câmara, Luciano Violante, o convidou, junto com um grupo de outros deputados arquitetos, a elaborar um projeto de reorganização da Praça Montecitorio.[2]

Referências

  1. Luigi Negri (7 de janeiro de 2021). «Epistocrazia: facciamo esami per qualsiasi cosa. Perché chi si candida a governarci non deve avere competenza e superare un esame?». lanuovapadania.it. Consultado em 14 de junho de 2021 
  2. «A #Senzasconti martedì 19 giugno Luigi Negri». lindipendenzanuova.com. 18 de junho de 2018. Consultado em 14 de junho de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



Precedido por
Umberto Bossi
Secretário nacional da Lega Lombarda
1993-1995
Sucedido por
Roberto Calderoli