Manuel Pardiñas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Manuel Pardiñas
Nascimento 1886
El Grado
Morte 12 de novembro de 1912 (26 anos)
Madri
Cidadania Espanha
Ocupação militante

Manuel Pardiñas foi um anarquista nascido na Espanha que assassinou José Canalejas, o Primeiro Ministro da Espanha. Pardiñas atirou em Canalejas em frenta da Biblioteca de San Martin em 12 de Novembro de 1912. Em seguida Pardiñas virou a arma contra si mesmo e cometeu suícidio. Seu corpo foi enviado para a cidade de El Grado na província de Huesca.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um anarquista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.