Marcos de Andrade Filho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Marcos de Andrade Filho
O poeta Marcos de Andrade Filho
Nome completo Marcos Antonio Soares de Andrade Filho
Nascimento 23 de junho de 1982
Recife, Pernambuco
Residência Paulista, Pernambuco
Nacionalidade Brasil
Ocupação Poeta; Professor; Crítico literário; Libretista; Escritor
Magnum opus SPOLLIVM (2012); "Fome Antiga" (2017)

Marcos de Andrade Filho[1] (Recife, 23 de junho de 1982 - ), é um professor, escritor, libretista, poeta e crítico literário brasileiro. Membro da União Brasileira de Escritores e da Academia de Letras do Brasil - Seccional Pernambuco, recebeu, dentre outros, o Prêmio Edmir Domingues[2] da Academia Pernambucana de Letras e o Prêmio e Medalha Maura de Sena Pereira[3], da UBE-RJ.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Não Lugar[4] (Poesia, 2005)
  • SPOLLIVM[5] (Poesia, 2012)
  • Fome Antiga[6] (Poesia, 2017)
  • Reminiscências de um Legado[7] (Poesia, 2020)

Referências

  1. Méroe, Giuliano de (2013). «Marcos de Andrade Filho Entrevistado». Divulga Escritor PB. Consultado em 8 de abril de 2021 
  2. Andrade, Marina (11 de janeiro de 2012). «APL anuncia Vencedores dos seus Prêmios Literários». Jornal do Commercio On-Line PE. Consultado em 8 de abril de 2021 
  3. Alencar, Vicente (20 de novembro de 2018). «PRÊMIO DIRETORIA UBE-RJ 2018 - HOMENAGENS AOS ESCRITORES». BLOG DO VICENTE ALENCAR. UBE-RJ. Consultado em 8 de abril de 2021 
  4. Edições Bagaço. «Não-Lugar, de Marcos de Andrade Filho». Edições Bagaço PE 
  5. Editora Universitária da UFPE. «SPOLLIVM, de Marcos de Andrade Filho». EdUFPE 
  6. Academia de Letras do Brasil Seccional Pernambuco. «Fome Antiga, de Marcos de Andrade Filho». ALB PE 
  7. Amazon. «Reminiscências de um Legado, de Marcos de Andrade Filho». Amazon 
Ícone de esboço Este artigo sobre um poeta ou uma poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Portal A Wikipédia possui o
Portal de Pernambuco.

 Pernambuco Recife