Maurício Branco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde outubro de 2016). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Maurício Branco
Nome completo Maurício Branco Nunes
Nascimento 1 de dezembro de 1969 (49 anos)
Brasília, DF
Ocupação Ator
IMDb: (inglês)

Maurício Branco Nunes (Brasília, 1 de dezembro de 1969) é um ator brasileiro.

Trabalhos na televisão[editar | editar código-fonte]

  • 2015 Verdades Secretas - Rede Globo
  • 2014 Só se for a três - Multishow
  • 2012 - Máscaras - Rede Record
  • 2011 - Natália - TV Brasil
  • 2009 - A Lei e o Crime .... Alfonso
  • 2008 - Dance, Dance, Dance [Rede Bandeirantes - Direção: Del Rangel] .... Antônio
  • 2007 - Sete Pecados [Rede Globo - Direção: Jorge Fernando] .... Decorador (participação especial)
  • 2002 - Desejos de Mulher [Rede Globo - Direção: Dennis Carvalho][1]
  • 2001 - A Padroeira [Rede Globo - Direção: Roberto Talma]
  • 2000 - Angel Road [Rede Globo - Direção: Paulo Trevisan]
  • 1999 - Malhação [Rede Globo - Direção: Flávio Colatrello] .... Ian
  • 1998 - Labirinto [Rede Globo - Direção: Denis Carvalho .... Lamego
  • 1997 - A Sétima Bala [Rede Record - Direção: Atílio Riccó e Régis Faria]
  • 1997 - Vida Bandida [Canal Brasil - Direção: Regis Faria] .... Leonardo Pareja
  • 1997 - Dona Anja [SBT - Direção: Roberto Talma] .... Alcebíades[1]
  • 1996 - Confissões de Adolescente [TV Cultura - Direção: Daniel Filho] .... Eduardo
  • 1996 - A Idade da Loba [Rede Bandeirantes - Direção: Jayme Monjardim] .... Paulo Henrique[1]
  • 1994 - As Flores do Mal [Rede Globo - Direção: Roberto Talma] .... Bandido (participação especial)
  • 1992 - De Corpo e Alma [Rede Globo - Direção: Roberto Talma] .... Felipe Santos Varela[1]

Trabalhos no cinema[editar | editar código-fonte]

  • 2000 - AI-5 “O Dia que não Existiu” [Direção: Paulo Markun & Adélia Sampaio]
  • 2000 - Minha Vida em suas Mãos [Direção: José Antônio Garcia]
  • 1997 - Contos de Lygia e Morte [Direção: Déo Rangel]
  • 1997 - A Cilada com os 5 Morenos [Direção: Luís Borges]
  • 1995 - Acossado [Direção: Ricardo Nauemberg
  • 1995 - The Big Shit [Direção: Renata Neves]
  • 1994 - Impala 60 [Direção: Mauro Lima]
  • 1994 - Deus Jr [Direção: Mauro Lima]

Em 2005, dirigiu o documentário "Rio 77/78".[1]

Trabalhos no teatro[editar | editar código-fonte]

  • 2018 - “As Bibas são de Júpiter”[2]
  • 2003/2007 - Uma Noite em Branco [Direção: Luis Fernando Borges]
  • 2001 - Frisson - O Musical [Direção: Marcelo Saback]
  • 1999 - Nem Morto [Direção: Yoya Wursch]
  • 1995 - À Beira do Mar Aberto [Direção: Gilberto Gawronsky]
  • 1994 - Lição de Anatomia [Direção: Carlos Matthus]
  • 1994 - Se Você me Ama [Direção: Frances Mayer]
  • 1993 - Viagem ao Centro da Terra [Direção: Bia Lessa]
  • 1993 - Orlando [Direção: Bia Lessa]

Referências

  1. a b c d e «Maurício Branco vai estrear como diretor». Portal Terra. 16 de outubro de 2005. Consultado em 1 de agosto de 2018 
  2. «Oito perguntas para Maurício Branco (sobre "As Bibas são de Júpiter")». Coluna Lu Lacerda - Portal IG. 23 de maio de 2018. Consultado em 1 de agosto de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.