MinGW

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
MinGW
Versão estável 20120426 (GCC 4.6.1) (26 de abril de 2012)
Sistema operacional Microsoft Windows
Gênero(s) Compilador
Licença GNU General Public License
Página oficial www.mingw.org

MinGW (Minimalist GNU for Windows) é uma versão portada para Microsoft Windows do conjunto de ferramentas GNU. Este software inclui um conjunto de arquivos cabeçalho para a API do Windows que permite aos desenvolvedores usar o GCC para criar programas nativos em Windows sem precisar contar com uma emulação em tempo real de um sistema Unix-like.

MSYS (acrônimo para minimal system) é um pacote que fornece um ambiente simples de shell, suportanto o padrão POSIX suficientemente para permitir a execução de scripts autoconf. Ambos os pacotes foram originalmente ramificações do Cygwin, que fornece um suporte Unix-like maior para Windows. Ambos os pacotes são software livre; os cabeçalhos Win32 estão disponíveis em domínio público enquanto as ferramentes estão em GNU General Public License.

Mingw-w64 e MSYS2[editar | editar código-fonte]

O MSYS2[1] é uma plataforma de distribuição e desenvolvimento de software para o Microsoft Windows que ajuda a implantar código do mundo Unix no Windows.

O MSYS2 compartilha esse objetivo de levar código Unix para as máquinas Windows com vários outros projetos, principalmente o Cygwin e o Windows Subsystem for Linux (WSL). O Cygwin fornece um ambiente POSIX completo no qual os aplicativos são executados como no Unix. O WSL permite que os binários Linux sejam executados no Windows, com suporte limitado para chamadas do kernel e limitações significativas em aplicativos gráficos. Por outro lado, o MSYS2, junto com a porta do compilador Mingw-w64, converte o código Unix em binários nativos do Windows. Isso tem a vantagem de que os usuários do software portado podem permanecer no Windows, em vez de alternar entre dois sistemas operacionais.[2]

O MSYS2 fornece um gerenciador de pacotes (o Pacman do Arch Linux), um shell bash e outros programas Unix que executam nativamente (sem emulação intermediária POSIX) no Windows. O software executado no MSYS2 suporta nomes de arquivos no estilo Unix. Por exemplo, pode-se usar o comando start notepad ++ /c/Users/John/file.txt para iniciar um editor que abrirá um arquivo com o caminho do Windows C:\Users\John\file.txt.[3]

O MSYS2 duplica o mínimo de código do Cygwin conforme necessário. Para oferecer suporte à emulação POSIX, quando necessário, o MSYS2 inclui uma biblioteca de tempo de execução msys-2.0.dll, derivada da biblioteca Cygwin cygwin1.dll, e é atualizada regularmente para seguir o desenvolvimento do Cygwin.[4]

MSYS2 e Mingw-w64 são uma reescrita independente do MSYS e Mingw.[5] A bifurcação ocorreu em 2005-2008 porque o MSYS não acompanhou o desenvolvimento do Cygwin e não suportou 64 bits.[6] A terminologia nem sempre é clara: às vezes, os termos "MSYS" e "MinGW" são usados ​​incorretamente como atalhos, referindo-se a "MSYS2" e "Mingw-w64".

Ligações externas[editar | editar código-fonte]