Monofilético

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O agrupamento dos répteis e das aves é considerado como monofilético.

Em cladística, chama-se monofilético a um clado (que pode ser um táxon no sentido da taxonomia de Lineu) que, de acordo com o conhecimento mais recente sobre as suas características anatómicas e genéticas, inclui todas as espécies derivadas de uma única espécie ancestral, incluindo esse mesmo ancestral.

Exemplo: O agrupamento dos Testudines (tartarugas), Lepidosauria (cobras e lagartos), Crocodylia (Jacarés) e aves forma um grupo monofilético (Reptilia) porque descendem de um ancestral comum único e exclusivo. O que popularmente chamamos de "répteis" é um grupo parafilético, pois exclui um grupo descendente do ancestral de "répteis", as aves.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Colin Tudge. 2000. La Variedad de la Vida. Oxford University Press. ISBN 0198604262.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Taxonomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.