Mosteiro de Pedroso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mosteiro de Pedroso.
Mosteiro de Pedroso, lado sul.

O Mosteiro de Pedroso localiza-se na freguesia de Pedroso, concelho de Vila Nova de Gaia, distrito do Porto, em Portugal.

História[editar | editar código-fonte]

Trata-se de um antigo mosteiro da Ordem de São Bento. De acordo com frei Luís de São Tomás, foi fundado em 867 por doação de D. Gondezinho. Fontes documentais, entretanto, referem que foi fundado na passagem do século X para o século XI, com base em uma escritura de doação com data de 24 de fevereiro de 1046, onde Trastina Pinioliz afirma que, juntamente com seu esposo, Ederónio Alvitiz, tinham edificado o Mosteiro de Pedroso.

O mosteiro acolheu no seu seio, como abade comandatário, frei Pedro Julião, futuro Papa João XXI.

Após a expulsão dos jesuítas do país (1759), a propriedade foi retalhada e vendida.

A igreja permaneceu como matriz da freguesia, mas os restantes edifícios e terrenos passaram para as mãos de particulares.

Em 1803 foi erguido um muro a separar a igreja da casa conventual e crê-se que o claustro terá sido demolido nessa altura.

O mosteiro foi classificado como Monumento de Interesse Público, estando esta decisão publicada no Diário da República do dia 14 de Maio de 2014.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Mosteiro de Pedroso
Ícone de esboço Este artigo sobre Património, integrado no Projecto Grande Porto é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.