Nitreto de cromo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nitreto de cromo
Alerta sobre risco à saúde
Chromium-nitride-xtal-3D-SF.png
Nome IUPAC Nitreto de cromo
Outros nomes Nitreto de cromo(III)
Identificadores
Número CAS 24094-93-7
ChemSpider 81581
SMILES
InChI
1/Cr.N/rCrN/c1-2
Propriedades
Fórmula molecular CrN
Massa molar 66.003 g/mol
Aparência Black powder
Densidade 5.9 g/cm3 [1]
Ponto de fusão

1770 ˚C (decomp.)[2]

Solubilidade em água Insoluble[3]
Termoquímica
Entalpia padrão
de formação
ΔfHo298
−117.15 kJ/mol [4]
Entropia molar
padrão
So298
37.75 J K−1 mol−1 [4]
Riscos associados
Índice UE Not listed
Ponto de fulgor Non-flammable
Compostos relacionados
Compostos relacionados Nitreto dicromo
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Nitreto de cromo é um composto inorgânico de fórmula química CrN. É muito duro e extremamente resistente à corrosão. É um composto intersticial, com átomos de nitrogênio ocupando os buracos octaédricos no retículo:[2] desta forma, não é tecnicamente um composto de cromo(III) e nem contém íons nitreto (N3−). Cromo forma um segundo nitreto intersticial, nitreto dicrômico, Cr2N.

Síntese[editar | editar código-fonte]

Nitreto de cromo(III) pode ser preparado pela combinação direta do cromo e nitrogênio a  800 °C:

2 Cr + N2 → 2 CrN

Pode ser sintetizado pela técnica de Deposição Física de Vapor.

Aplicações[editar | editar código-fonte]

CrN é utilizado como um material de revestimento para resistência à corrosão e em aplicações de moldagem de plástico.[5] CrN é muitas vezes utilizado em implantes médicos e ferramentas. CrN também é um componente valioso em sistemas avançados de múltiplos componentes de revestimento, tais como CrAlN, para aplicações resistentes ao desgaste e em ferramentas de corte.[6]

Magnetismo[editar | editar código-fonte]

Recentemente o composto tem aparecido em revistas científicas de alto impacto Nature Materials.[7][8] Particularmente, a importância do magnetismo, tanto a baixa temperatura quanto em alta, tem sido demonstrada por meio de cálculos de mecânica quântica da estrutura eletrônica do composto.[9][10][11]

Referências