Osun (estado)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nigéria Ọṣun 
  Estado  
Símbolos
Lema Estado da Primavera Viva
Localização
Osun State Nigeria.png
Capital Osogbo
História
Data de criação 27 de agosto de 1991
Administração
Governador Olagunsoye Oyinlola (PDP)
Representantes Lista
Características geográficas
Área total 9,251 km²
População total (2012) 4 127 793[1] hab.
Outras informações
PIB (PPC) $7,28 bilião[2] (est. 2007 (estimativa))
Per capita $2.076[2]
Website osunstate.gov.ng

Ọṣun (no idioma Yoruba), Osun (no idioma Inglês), Oxum (pronúncia em português), é um estado interior, a Sudoeste da Nigéria. Criado em 27 de agosto de 1991. Sua capital é a cidade de Osogbo. Em 2012 a população era 4,127,793 habitantes, numa área de 9.251km². É delimitada ao norte pelo estado Kwara, no leste, em parte, pelo Ekiti e, em parte, pelo Ondo, ao sul do Ogun e, a oeste pelo Oyo.

O atual governador estadual é Olagunsoye Oyinlola, que foi eleito em 2003 juntamente com o seu Vice-governador, Erelu Olusola Obada. O estado de Osun é o lar de muitos dos mais famosos marcos da Nigéria, incluindo o campus da Universidade Obafemi Awolowo, preeminente instituição de ensino superior da Nigéria. A universidade também está localizada na antiga vila de Ile-Ifé, um importante centro de desenvolvimento político e religioso da cultura Yoruba. Outras importantes cidades e vilas incluem as capitais do antigo reino Oke-Ila Orangun, Ila Orangun, Ede, e Ilesa.

História[editar | editar código-fonte]

Rio Osun em Osogbo, estado de Osun.

O moderno Estado Osun foi criado em 1991 de parte do velho estado Oyo. O nome do estado é derivado do rio Osun, a venerada primavera natural que é a manifestação da orixá yoruba do mesmo nome.

O Governador Oyinlola recentemente lançou e pôs os alicerces da inovadora Universidade do estado de Osun com seis campus universitários (Osogbo, Okuku, Ikire, Ejigbo, Ifetedo, e Ipetu-Ijesha) localizados estrategicamente em todo o estado.

Cultura[editar | editar código-fonte]

Templo de Osun.

Todo ano, aderentes e não aderentes de Oxum, um dos Orixás (as tradicionais divindades do povo Yoruba), viajam de todo o mundo para assistir ao festival anual de Osun-Osogbo em agosto. Visitantes incluem nacionais, do Brasil, de Cuba, Trinidad e Tobago, Grenada, e outras nações nas Américas, com um significativo patrimônio cultural Yoruba. As festividades tradicionais anuais e as invocações da orixá Osun são mantidas ao longo dos bancos do rio que carrega o seu nome no qual ela se transformou.

Ọṣun-Ọṣogbo Grove, o santuário dos ritos anuais da divindade e um importante centro artístico, foi declarado Património Mundial em 2005.

Demografia[editar | editar código-fonte]

As principais sub-grupos étnicos do Estado Ọṣun, são Ife, Ijesha, Oyo, Ibolo e Igbomina das tribos Yoruba, embora haja também pessoas de outras partes da Nigéria. Yoruba e Inglês são as línguas oficiais.

Divisões administrativas[editar | editar código-fonte]

O Estado de Osun é dividido em três distritos senado federal, cada um dos quais é composto de duas áreas administrativas. O estado compõe-se de trinta Áreas de Administração Local, a primária unidade (terceiro nível) do governo na Nigéria.

Estado de Osun tem 30 Áreas de Administração Local, e estão listados abaixo com as suas sedes em parênteses:

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Nigéria, integrado ao Projeto África, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.