Palene (satélite)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
S2004s2 040601.jpg
Palene
Descoberta
Descoberto por Cassini Imaging Science Team
Descoberto em 1 de Julho de 2004
Características orbitais
Semi-eixo maior 212,280 ± 5 km
Excentricidade 0.0040
Período Orbital 1.153745829 d
Inclinação 0.1810 ± 0.0014°
É um satélite de Saturno
Características físicas
Diâmetro médio ≈ 4 km
Massa 1.7 − 7 ×1013 kg
Densidade média desconhecida
Gravidade equatorial desconhecida
Dia sideral Rotação síncrona
Atmosfera não possui

Palene é um pequeno satélite natural de Saturno que se situa entre as órbitas de Mimas e Encélado.

Foi visto pela primeira durante a missão Cassini-Huygens pelo Cassini Imaging Team em 2004 e foi temporariamente nomeado de S/2004 S 2. Palene também é chamado de Saturno XXXIII.

Palene é visivelmente afetado por uma ressonância com Encélado, embora esse efeito não é tão grande como as perturbações de Mimas em Methone. As perturbações causam os elementos da órbita de Palene variar com uma amplitude de 4 km no semi-eixo maior, e 0.02° em longitude (correspondente a aproximadamente 75 km). A excentricidade também muda em escalas diferentes entre 0,002 e 0,006, e inclinação entre cerca de 0.178° e 0.184°.

O nome Palene foi provisoriamente aprovado pela IAU Division III Working Group for Planetary System Nomenclature em 2005 e foi oficializado em 2006 pela IAU General Assembly.