Pest Man Wins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pest Man Wins
Controle de descontrolados (BRA)
 Estados Unidos
1951 •  pb •  16 min 
Direção Jules White
Roteiro Felix Adler
Elenco Moe Howard
Larry Fine
Shemp Howard
Margie Liszt
Nanette Bordeaux
Emil Sitka
Vernon Dent
Género comédia
Idioma inglês

Pest Man Wins (br.: Controle de descontrolados) é um filme estadunidense curta metragem de 1951, dirigido por Jules White. É o 136ª filme de um total de 190 da série com os Três Patetas, produzida pela Columbia Pictures entre 1934 e 1959.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Os Três Patetas são exterminadores de pragas que estão com problemas para encontrarem clientes. Eles passam por uma grande casa onde a proprietária está dando uma festa sofisticada e resolvem soltar as formigas, ratos e traças que trazem consigo para depois oferecerem seus serviços. O plano dá certo e a proprietária os contrata assim que eles aparecem, mas pede que se vistam como convidados pois não quer que os outros saibam da infestação. Os Patetas fazem as costumeiras trapalhadas na tentativa de deterem as pragas até que são chamados para o jantar. De imediato começam a discutir entre si e iniciam uma tremenda "guerra de tortas", até serem colocados para dormir pela proprietária que usa para isso um grande bastão de basebol.

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Pest Man Wins é uma paródia para a expressão "The Best Man Wins" ("Os melhores vencem") [1]
  • Pest Man Wins é uma refilmagem de Ants in the Pantry (1936) com uso de algumas poucas cenas do original. Na sequência da guerra de tortas, cenas de In the Sweet Pie and Pie e Half-Wits Holiday foram adicionadas.
  • Pest Man Wins foi filmado de 12 a 15 de fevereiro de 1951.[1]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]