Arisugawa Taruhito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Príncipe Arisugawa Taruhito)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Príncipe Arisugawa Taruhito

Príncipe Arisugawa Taruhito (有栖川宮熾仁親王, Arisugawa-no-Miya Taruhito-Shinnō?, 17 de março de 1835 - 15 de janeiro de 1835) tornou-se o nono líder do Arisugawa-no-Miya ( 有栖川宮家?) ramo Shinnō-ke da Família Imperial do Japão em 9 de setembro de 1871.

Foi um oficial de carreira do Exército Imperial Japonês.

Início da vida[editar | editar código-fonte]

Taruhito nasceu em Kyoto em 1835, filho do Príncipe Arisugawa Takahito Yūko (d. 1841), e filha mais velha de Saeki Yujo. Ele foi adotado pelo Imperador Ninko como um potencial herdeiro do trono, tornando Príncipe Taruhito, o irmão adotivo de Osahito Shinnō (o futuro Imperador Kōmei). Príncipe Taruhito foi um conselheiro próximo tanto do Imperador Kōmei como de seu sobrinho por adoção, o Imperador Meiji.

Príncipe Taruhito ficou noivo de princesa Kazu-no-Miya Chikako a oitava filha do Imperador Ninko em 8 de agosto de 1861. No entanto, o noivado foi cancelado pelo bakufu Tokugawa para que a princesa pudesse se casar com Shōgun Tokugawa Iemochi, assim selando politicamente a reconciliação entre o Shogunato e a Corte Imperial.

Ironicamente, a primeira esposa do príncipe Sadako Arisugawa (1850-1872) foi a décima primeira filha de Tokugawa Nariaki, daimyō do Domínio de Mito. Sua segunda esposa foi Tadako (1855-1923), filha do Conde Mizoguchi Naohiro, o ex-daimyō de Domínio de Shibata. Em nenhum destes casamentos teve filhos.

Restauração Meiji[editar | editar código-fonte]

Em 1867, o Imperador Meiji nomeou o Príncipe Taruhito sosai (um título equivalente a ministro-chefe), e colocou-o no comando do Exército Imperial enviado para contra os últimos partidários do bakufu na Guerra Boshin de 1868-1869. Ele lutou na Batalha de Toba-Fushimi, e mais tarde viajou até a Tōkaidō, para aceitar a rendição do Castelo Edo em 3 de maio de 1867, de sua ex-noiva princesa Kazu [1].

Príncipe Taruhito mais tarde levou o exército do governo central contra as forças de Saigo Takamori na Rebelião Satsuma de 1877. Ele recebeu o título honorário de general em 1878.

De 1870 até à adoção do sistema de Ministros em 1885, o Príncipe Taruhito serviu como Daijō Daijin(Presidente do Conselho de Estado). Em 1871, ele foi nomeado governador de Fukuoka. Desde 1876, ele era o presidente do Genrōin. Em 1882, ele viajou para São Petersburgo, na Rússia, e se reuniu com o czar Alexandre III, como enviado oficial do Imperador Meiji [2].

De 1889 a 1895, o príncipe serviu como chefe de pessoal do Exército Imperial Japonês e membro do Conselho Supremo de Guerra [1].

Em 1894, tornou-se oficialmente comandante-em-chefe das forças japonesas na Primeira Guerra Sino-Japonesa, e estabeleceu seu centro de comando na guarnição de Hiroshima. No entanto, ele contraiu a febre tifóide (ou possivelmente malária) e voltou para o palácio em Arisugawa Maiko perto de Kobe para se recuperar. Ele morreu lá em 15 de janeiro de 1895. Em sua morte, o imperador Meiji concedeu-lhe o Colar da Suprema Ordem do Crisântemo [3]. Foi concedido um funeral de estado em Tóquio em 29 de janeiro de 1895.

Seu meio-irmão, o príncipe Arisugawa Takehito, o sucedeu como o décimo chefe da casa Arisugawa-no-Miya.

Prince taruhito bronze.jpg

Legado[editar | editar código-fonte]

O Parque Memorial Arisugawa em Minami-Azabu, Minato, Tokyo que ocupa o local do Palácio Arisugawa e seus amplos jardins são abertos ao público.

Apesar do Príncipe Taruhito ter a intenção de passar seus últimos dias neste palácio, ele morreu sem nunca ocupá-lo. Uma estátua do príncipe a cavalo foi feita com doações e construído em 1903 no portão da Sede de Pessoal do Exército Imperial Japonês; ela foi transferida para o parque em 1962.

Referências

  1. a b Louis Frederic; Alvaro David Hwang O Japão, Dicionário e CivilizaçãoRio de Janeiro: Globo Livros, 2008. p. 81. ISBN 9788525046161
  2. Donald Keene Emperor of Japan: Meiji and His World, 1852-1912 (em inglês) Columbia University Press, 2010 pp 452-453 ISBN 9780231518116
  3. Dupuy, Trevor N. (1992). Encyclopedia of Military Biography. (em inglês) I B Tauris & Co Ltd. ISBN 1-85043-569-3
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.