Quarto Reich

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa fictício mostrando uma Europa onde a Alemanha Nazista teria vencido a II Guerra Mundial.

Quarto Reich - é um termo utilizado para descrever um futuro teórico da história alemã - um sucessor do Terceiro Reich. O termo foi utilizado inicialmente por Rudolf Hess após os Julgamentos de Nuremberg, quando, sofrendo de distúrbios mentais, afirmou ser ele o "Führer do Quarto Reich".[1] Porém o termo se tornou popular nos anos de 1960 e 1970, devido ao fato de várias figuras políticas da Alemanha Ocidental, como o chanceler Kurt Georg Kiesinger, possuírem vínculos com o regime do Terceiro Reich.

Em termos de neo-nazismo, o quarto Reich é apresentando como um Estado em que vigora a "supremacia ariana", anti-semitismo, Lebensraum, militarismo e totalitarismo. Neo-nazistas acreditam que o Quarto Reich abrirá caminho para o estabelecimento de um "Império Ocidental", um império pan-ariano abrangendo terras com proeminentes laços arianos (Europa, Rússia, Anglo-América, Austrália, Nova Zelândia, e algumas partes da América do Sul como o Brasil), o que permitiria que o Ocidente entrasse no "choque de civilizações". [2]

Em seu livro, "A Ascensão do Quarto Reich: As sociedades secretas que ameaçam assumir a América" (em inglês: The Rise of the Fourth Reich: The Secret Societies That Threaten to Take Over America) Jim Marrs argumenta que alguns membros sobreviventes do Terceiro Reich, juntamente com simpatizantes dos nazismo nos Estados Unidos e noutros países, trabalharam clandestinamente desde o final da Segunda Guerra Mundial para que alguns dos princípios do nazismo (por exemplo, militarismo, fascismo, imperialismo, espionagem generalizada e utilização de propaganda para controlar os interesses nacionais) sejam infiltrados na cultura, governo e empresas em todo o mundo, mas principalmente nos Estados Unidos. Ele cita a suposta influência do nacional-socialismo nos Estados Unidos no final da Segunda Guerra Mundial, tais como cientistas nazistas que ajudaram os E.U.A no avanço na indústria aeroespacial, bem como a aquisição e a criação de conglomerados pelos nazistas e seus simpatizantes após a guerra, tanto na Europa e E.U.A.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Nuremberg: Nazistas no banco dos Réus (no original em inglês Nuremberg - Nazis on Trial). Documentário da BBC. 1996.
  2. Marrs, Jim (2008). The Rise of the Fourth Reich: The Secret Societies That Threaten to Take Over America. William Morrow. ISBN 9780061245589.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Infield, Glenn Secrets of the SS (Stein and Day, New York, 1981) ISBN 0-8128-2790-2
  • Schultz, Sigrid Germany Will Try It Again (Reynal & Hitchcock, New York, 1944)
  • Tetens, T.H. The New Germany and the Old Nazis (Random House, New York, 1961) LCN 61-7240
  • Wechsberg, Joseph The Murderers Among Us: The Simon Wiesenthal Memoirs (Mc Graw Hill, New York, 1967) LCN 67-13204
  • Vidojević, Milan Dosije Omega: Novi svetski poredak kao novi satanizam (IP "Metaphysica", Belgrade)
  • Vidojević, Milan Četvrti Rajh: Amerika kao novi Rajh" (IP "Metaphysica", Belgrade)