Ricardo Almeida (lutador)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ricardo Almeida
Informações
Nascimento 29 de novembro de 1976 (42 anos)
Nova Iorque,  Nova Iorque
 Estados Unidos
Nacionalidade norte-americana
brasileira
Outros nomes Cachorrão (Big Dog)
Altura 1.83 m
Peso 77 kg
Divisão peso meio médio
peso médio
peso meio pesado
Envergadura 188 cm
Modalidade jiu jitsu brasileiro
Posição destro
Luta por Irvine, California
Equipe Gracie Barra
Renzo Gracie Jiu Jitsu
Ricardo Almeida BJJ
Graduação      Faixa preta de 3° grau em jiu jitsu brasileiro
Período em
atividade
2000-2004
2008-2011
Cartel nas artes marciais mistas
Total 18
Vitórias 13
Por finalização 5
Por decisão 8
Derrotas 5
Por nocaute 1
Por finalização 1
Por decisão 2
Por desqualificação 1
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog

Ricardo Almeida (Nova Iorque, 01976-11-29 29 de novembro de 1976) é um lutador americano-brasileiro aposentado de artes marciais mistas.

Background[editar | editar código-fonte]

Almeida é um Faixa Preta de 3° Grau em Jiu Jitsu Brasileiro de Renzo Gracie, e parte da Gracie Barra Combat Team e também da Gracie Barra. Almeida é um veterano do Ultimate Fighting Championship, Pride Fighting Championships, Grapplers Quest e ex-King of Pancrase no Peso Médio. No Pancrase ele tem vitórias notáveis sobre Nate Marquardt e Kazuo Misaki. Almeida traina com e treina o ex-Campeão Peso Leve do UFC Frankie Edgar no antigo ginásio dos Gracie em Robbinsville, New Jersey.

Incidente com Marquardt[editar | editar código-fonte]

Em 30 de Novembro de 2003, Almeida foi envolvido em uma luta com o oponente peso médio Nate Marquardt em uma luta pelo título do Pancrase. Marquardt foi colocado em uma guilhotina em que o árbitro pensou que ele tinha desistido. O árbitro foi incapaz de separar os lutadores imediatamente e o estrangulamento permaneceu aplicado em volta do pescoço de Marquardt após a aparente finalização de Marquardt. Após o estrangulamento ser solto, Marquardt soltou um golpe no rosto de Almeida, o que levou ambos córners a discutir dentro do ring – incluindo Renzo Gracie, que estava no córner de Almeida e chutou o rosto de Marquardt. O confronto chegou ao fim e Marquardt se aproximou de Almeida após a luta para parabenizá-lo. Almeida então vagou seu título em Julho de 2004.

Aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Almeida se aposentou por um período de quatro anos após uma sequência de seis vitórias para focar na sua escola de Jiu Jitsu em Hamilton Township, Mercer County, New Jersey.[1] Então, ele lutou na categoria dos Meio Médios do UFC, e se aposentou em 2011.[2]

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Sua luta de retorno no UFC ocorreu no UFC 81, onde ele enfrentou Rob Yundt aos 1:08 do primeiro round. A próxima luta de Almeida foi contra Patrick Côté no UFC 86, onde ele perdeu por decisão unânime.

Almeida retornou no UFC Fight Night: Condit vs. Kampmann, essa vez no card preliminar, para enfrentar Matt Horwich, vencendo por decisão unânime. Sua próxima luta aconteceu em 8 de Agosto na Philadelphia contra Kendall Grove no UFC 101. Almeida venceu controlando a luta para vencer a luta por decisão unânime.

Ele era esperado para enfrentar Jon Fitch no UFC 106, mas foi obrigado a se retirar da luta devido à uma lesão no joelho sofrida nos treinos.[3]

Almeida enfrentou Matt Brown em 27 de Março de 2010 no UFC 111 em sua estréia nos meio médios.[4] Almeida derrotou Brown por finalização aos 2:30 do segundo round.

Almeida enfrentou o ex-Campeão Meio Médio do UFC e Hall da Fama do UFC Matt Hughes em 7 de Agosto de 2010 no UFC 117 e perdeu por Finalização Técnica.[5]

Almeida enfrentou TJ Grant em 11 de Dezembro de 2010 no UFC 124.[6] Almeida derrotou Grant por decisão unânime.

Almeida enfrentou Mike Pyle em 19 de Março de 2011 no UFC 128.[7] Ele perdeu a luta por decisão unânime.

Segunda aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Almeida se aposentou pela segunda vez em 30 de Março de 2011, dizendo que ele não poderia se focar 100 porcento na luta, citando sua família, seu filho (que foi diagnosticado com autismo), e dar aulas em suas academias, como outras áreas de sua vida precisarem de atenção.[8] Ele acrescentou que continuaria a ajudar o UFC e membros da equipe como Frankie Edgar e Kris McCray.

Jurado de MMA[editar | editar código-fonte]

Uma semana após sua aposentadoria, Almeida se tornou jurado profissional de MMA em New Jersey.[9] Em 5 de Maio de 2012, ele fez sua estréia em um evento grande como jurado no UFC on Fox: Diaz vs. Miller no Izod Center em East Rutherford, New Jersey.[10]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Ricardo vive em Bordentown (NJ) com seus dois filhos. Ele é o técnico principal e dono da Ricardo Almeida Brazilian Jiu Jitsu School localizada em Robbinsville (NJ) e em Newtown (PA), onde ele treina seu protegido Max Bohannon que se graduou em Bordentown em 2009.[11]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Derrota 13–5 Mike Pyle Decisão (unânime) UFC 128: Shogun vs. Jones 19/03/2011 3 5:00 Estados Unidos Newark, New Jersey Se aposentou após a luta.
Vitória 13–4 TJ Grant Decisão (unânime) UFC 124: St. Pierre vs. Koscheck 11/12/2010 3 5:00 Canadá Montreal, Quebec
Derrota 12–4 Matt Hughes Finalização Técnica (estrangulamento anaconda)[12] UFC 117: Silva vs. Sonnen 07/08/2010 1 3:15 Estados Unidos Oakland, California
Vitória 12–3 Matt Brown Finalização (mata leão) UFC 111: St. Pierre vs. Hardy 27/03/2010 2 3:30 Estados Unidos Newark, New Jersey Estréia nos Meio Médios.
Vitória 11–3 Kendall Grove Decisão (unânime) UFC 101: Declaration 08/08/2009 3 5:00 Estados Unidos Philadelphia, Pennsylvania
Vitória 10–3 Matt Horwich Decisão (unânime) UFC Fight Night: Condit vs. Kampmann 01/04/2009 3 5:00 Estados Unidos Nashville, Tennessee
Derrota 9–3 Patrick Côté Decisão (dividida) UFC 86: Jackson vs. Griffin 05/07/2008 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 9–2 Rob Yundt Finalização (guilhotina) UFC 81: Breaking Point 02/02/2008 1 1:08 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 8–2 Ryo Chonan Decisão (unânime) Pride Bushido 3 23/05/2004 2 5:00 Japão Yokohama
Vitória 7–2 Nate Marquardt Finalização (guilhotina) Pancrase: Hybrid 10 30/11/2003 1 4:53 Japão Tóquio Pelo Título Peso Médio do Pancrase.
Vitória 6–2 Kazuo Misaki Decisão (majoritária) Pancrase: 10th Anniversary Show 31/08/2003 3 5:00 Japão Tóquio
Vitória 5–2 Yuki Sasaki Decisão (unânime) Pancrase: Hybrid 4 12/04/2003 3 5:00 Japão Tóquio
Vitória 4–2 Ikuhisa Minowa Decisão (unânime) Pancrase: Hybrid 2 16/02/2003 3 5:00 Japão Osaka
Vitória 3–2 Osami Shibuya Finalização (mata leão) Pancrase: Spirit 8 30/11/2002 1 3:25 Japão Yokohama
Derrota 2–2 Andrei Semenov Nocaute Técnico (socos) UFC 35 11/01/2002 2 2:01 Estados Unidos Uncasville, Connecticut
Vitória 2–1 Eugene Jackson Finalização (triângulo) UFC 33 28/09/2001 1 4:06 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Estréia nos Médios.
Derrota 1–1 Matt Lindland Desqualificação (repetição de faltas) UFC 31 04/05/2001 3 4:21 Estados Unidos Atlantic City, New Jersey Lutou nos Meio Pesados.
Vitória 1–0 Akira Shoji Decisão (unânime) Pride 12 09/12/2000 2 5:00 Japão Saitama

Referências