Rio Preto (rio de Minas Gerais)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Se procura outros significados de rio Preto, veja rio Preto (desambiguação).
Rio Preto
Trecho em Unaí (MG)
Nascente Lagoa Feia
Foz rio Paracatu
País(es)  Brasil
País(es) da
bacia hidrográfica
Bacia do São Francisco

O rio Preto é um curso de água dos estados de Goiás e Minas Gerais, Brasil. Nasce na lagoa Feia, no município de Formosa, em Goiás, e segue recebendo as águas de importantes afluentes até desaguar no rio Paracatu, já em terras mineiras. Faz parte bacia do rio São Francisco.

As suas margens foram habitadas por indígenas que, devido às escuras águas deste rio, o chamaram Huna-y, que significa "água escura" ou "rio preto". O termo Huna-y é também a origem do nome do município de Unaí, em Minas Gerais.

Além de banhar o estado de Goiás, onde nasce, e o de Minas Gerais, onde desemboca no rio Paracatu, banha também o Distrito Federal. Serve de divisa natural entre o Distrito Federal e Goiás na altura do município goiano de Formosa. Na altura do município mineiro de Cabeceira Grande, serve de divisor entre Minas Gerais e o Distrito Federal. É também neste trecho do rio que foi instalada a Usina Hidrelétrica de Queimado.

Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia em geral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.