Rossana Ghessa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2012).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rossana Ghessa
Rossana Ghessa, em cena do filme Ana Terra (1972).
Nascimento 24 de janeiro de 1943 (74 anos)
Carbonia, Itália
Nacionalidade Italiana-brasileira
Ocupação atriz
Outros prêmios
Festival de Brasília (1967)
IMDb: (inglês)

Rossana Ghessa (Carbonia, 24 de janeiro de 1943[1]) é uma atriz ítalo-brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascida na Itália, Rossana fez sua carreira no cinema brasileiro. Ela veio para o Brasil com apenas sete anos e aqui construiu uma carreira vitoriosa no cinema, como atriz inicialmente e a partir da década de 1980 como produtora também.

Ela começou sua carreira como garota-propaganda, fez várias fotonovelas e durante um ano foi modelo profissional da agência McCan Ericsson logo após ter ganho o concurso de Miss Objetiva. Estreou no cinema em 1966 com o filme Paraíba, Vida e Morte de um Bandido. Com uma carreira que inclui mais de quarenta filmes, ela foi uma das musas das pornochanchadas nacionais na década de 1970.

Nas década de 1970, Rossana fez um filme atrás do outro em produções nacionais e em coproduções e também participou de peças de teatro como A Úlcera de Ouro e Cinderela do Petróleo, além de ter estrelado shows produzidos por Carlos Machado.

Trabalhou com os mais importantes diretores de cinema e seus maiores sucessos foram Bebel, Garota Propaganda, Ana Terra, Lua de Mel e Amendoim, Lucíola, o Anjo Pecador e Memórias de um Gigolô.

Atualmente ela é produtora de cinema e dona da Verona Filmes, em sociedade com seu marido, o cineasta Durval Gomes Garcia, que a dirigiu em Ana Terra.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Rossana Ghessa». Mulheres do Cinema Brasileiro. S/data. Consultado em 10 de fevereiro de 2014  Verifique data em: |data= (ajuda)
  2. Cinemateca Brasileira, Paraíba, Vida e Morte de um Bandido [em linha]
  3. Cinemateca Brasileira, Carnaval Barra Limpa [em linha]