Serafim Joaquim de Alencastre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Serafim Joaquim de Alencastre
Nascimento 1809
Cidadania Brasil

Serafim Joaquim de Alencastre (Rio Pardo, 1809 - ) foi um militar e poeta brasileiro.

Filho do brigadeiro Antônio Joaquim de Alencastre, participou da Guerra da Cisplatina, tendo sido preso no combate de Sarandi. Conseguiu fugir no levante de prisioneiros, ao cruzar o rio Paraná, voltando a Montevidéu em 29 de março de 1826[1].

Ficou do lado republicano na Revolução Farroupilha, tendo sido deputado constituinte e ministro da Guerra e Marinha da República Rio-Grandense[1]. Escreveu a primeira versão do Hino Rio-Grandense (hino farroupilha), depois substituída pela de Francisco Pinto da Fontoura.

Com o fim da revolução voltou às fileiras do exército.[1]

Em sua homenagem, a cidade de São Paulo batizou uma de suas ruas com o seu nome[2].

Referências

  1. a b c FLORES, Moacyr. Dicionário de história do Brasil.2a ed., EDIPUCRS, 2001, ISBN 8574302090, ISBN 9788574302096, 637 pp.
  2. Rua Serafim de Alencastre - Capão Redondo Histórias das Ruas de São Paulo - consultado em 13 de fevereiro de 2011