Sofia Luísa de Württemberg-Winnental

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sofia Luísa de Württemberg-Winnental
Marquesa de Brandemburgo-Bayreuth
Reinado 8 de fevereiro de 1671
a 3 de outubro de 1702
Antecessor(a) Erdemunda Sofia da Saxónia
Sucessor(a) Isabel Sofia de Brandemburgo
 
Esposo Cristiano Ernesto de Brandemburgo-Bayreuth
Descendência Cristiana Everadina de Brandemburgo-Bayreuth
Leonor Madalena de Brandemburgo-Bayreuth
Cláudia Leonor de Brandemburgo-Bayreut
Carlota Emília de Brandemburgo-Bayreuth
Jorge Guilherme de Brandemburgo-Bayreuth
Carlos Luís de Brandemburgo-Bayreuth
Casa Hohenzollern
Württemberg
Nascimento 19 de agosto de 1642
  Estugarda, Alemanha
Morte 3 de outubro de 1702 (60 anos)
  Bayreuth, Alemanha
Pai Everardo III de Württemberg
Mãe Ana Catarina de Salm-Kyrburg
Religião Luteranismo

Sofia Luísa de Württemberg-Winnental (Estugarda, 19 de fevereiro de 1642Bayreuth, 3 de outubro de 1702) foi uma marquesa de Brandemburgo-Bayreuth e princesa de Württemberg-Winnental. Era mãe da princesa Cristiana Everadina de Brandemburgo-Bayreuth, esposa do rei Augusto II da Polónia e mãe do rei Augusto III da Polónia. É uma antepassada de várias famílias reais europeias, nomeadamente a espanhola e a francesa.

Origens e família[editar | editar código-fonte]

Sofia era a quarta filha do primeiro casamento do duque Everardo III de Württemberg com a princesa Ana Catarina de Salm-Kyrburg. Tinha mais treze irmãos e dez meios-irmãos, fruto do segundo casamento do pai com a princesa Maria Doroteia Sofia de Oettingen, sendo o mais conhecido o duque Guilherme Luís de Württemberg, que sucedeu ao pai como duque em 1674.

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

Sofia Luísa casou-se com o marquês Cristiano Ernesto de Brandemburgo-Bayreuth a 8 de Fevereiro de 1671, quando tinha vinta-e-nove anos, uma idade considerada bastante tardía para casar na época. Apesar disso, o casal teve seis filhos, três dos quais chegaram à idade adulta:

  1. Cristiana Everadina de Brandemburgo-Bayreuth de Brandemburgo-Bayreuth (29 de Dezembro de 1671 – 5 de Setembro de 1727); casada com o rei Augusto II da Polónia; com descendência.
  2. Leonor Madalena de Brandemburgo-Bayreuth (24 de Janeiro de 1673 – 13 de Dezembro de 1711); casada com Hermann Frederico, marquês de Hohenzollern-Hechingen; com descendência.
  3. Cláudia Leonor de Brandemburgo-Bayreuth (4 de Julho de 1675 – 11 de Fevereiro de 1676), morreu aos sete meses de idade.
  4. Carlota Emília de Brandemburgo-Bayreuth (4 de Junho de 1677 – 15 de Fevereiro de 1678), morreu aos seis meses de idade.
  5. Jorge Guilherme de Brandemburgo-Bayreuth (26 de Novembro de 1678 – 8 de Dezembro de 1726), sucedeu o pai como marquês de Bayreuth; casado com a princesa Sofia de Saxe-Weissenfels; com descendência.
  6. Carlos Luís de Brandemburgo-Bayreuth (21 de Novembro de 1679 – 7 de Abril de 1680), morreu aos cinco meses de idade.

Morte e legado[editar | editar código-fonte]

Sofia Luísa morreu 3 de Outubro de 1702, aos sessenta anos de idade. A sua filha mais velha, Cristiana, acabaria por conseguir um casamento muito vantajoso com o príncipe-eleitor Augusto da Saxónia que foi nomeado rei da Polónia em 1697. Algumas das bisnetas mais conhecidas de Sofia Luísa incluíam a princesa Maria Amália da Saxónia, casada com o rei Carlos III de Espanha, Maria Ana Sofia da Saxónia, casada com o príncipe-eleitor Maximiliano III José da Baviera e a princesa Maria Josefa da Saxónia, mãe do rei Luís XVI de França.

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Sofia Luísa de Württemberg-Winnental em três gerações[1]
Sofia Luísa de Württemberg-Winnental Pai:
Everardo III de Württemberg
Avô paterno:
João Frederico de Württemberg
Bisavô paterno:
Frederico I, Duque de Württemberg
Bisavó paterna:
Sibila de Anhalt
Avó paterna:
Bárbara Sofia de Brandemburgo
Bisavô paterno:
Joaquim III Frederico de Brandemburgo
Bisavó paterna:
Catarina de Brandemburgo-Küstrin
Mãe:
Ana Catarina de Salm-Kyrburg
Avô materno:
Otto II de Salm
Bisavô materno:
João VIII de Salm
Bisavó materna:
Ana de Hohenlohe-Waldenburg
Avó materna:
Doroteia de Solms-Laubach
Bisavô materno:
João Jorge I de Solms-Laubach
Bisavó materna:
Margarida de Schönburg-Glauchau

Referências

  1. The Peerage, consultado a 26 de Junho de 2015