Solar de Galvão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde março de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Solar de Galvão

O Solar de Galvão foi o primeiro solar a ser construído fora das muralhas de Melgaço, com a sua capela tendo como oráculo Santo António, padroeiro da família Castro e tendo sido concluído no séc. XVII.

Tem formato (em T). De referenciar também o brasão da Família Castro, de Fornelos (Conde de Monsanto e Castros de Melgaço) que se encontra na fachada do Solar. O brasão que encima a capela reproduz os quatro costados dos Souzas, Castros, Lobatos e Soares de Tangil.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Solar de Galvão

O Solar já se encontra classificado como Imóvel de Interesse Municipal de Melgaço, pelo IGESPAR.[1]

Referências

  1. «Solar de Galvão». BG. IGESPAR. Consultado em 9 de janeiro de 2010. 
Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.