Solidão (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Solidão
Álbum de estúdio de Complexo J
Lançamento 1986
Gênero(s) Rock progressivo, hard rock, pop rock
Duração 26:50
Idioma(s) Português
Formato(s) Vinil
Gravadora(s) Independente
Cronologia de Complexo J
Arte Final
(1990)

Solidão é o álbum de estreia da banda brasileira de rock cristão Complexo J, lançado em 1986.[1][2]

Produzido e lançado de forma independente, alcançou pouca relevância, porém contém alguns dos elementos pelos quais fizeram a música do grupo conhecida. A música "Brasil", mais tarde foi regravada no álbum Riqueza de Sons e "Reino de Deus" no disco Consciência Limpa.[3]

Em 2019, foi eleito o 50º melhor álbum da década de 1980 em lista publicada pelo portal Super Gospel.[4]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
O Propagador 3 de 5 estrelas.[2]

Solidão foi lançado de forma independente em 1986 e recebeu uma avaliação tardia da mídia especializada pelo portal O Propagador. O álbum recebeu três estrelas de cinco.[2]

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Reino de Deus"
  2. "Brasil"
  3. "Deus é Real"
  4. "Espaço Sideral"
  5. "Nova Jerusalém"
  6. "Salmo 99"
  7. "Sim, Levaram"
  8. "Solidão"

Referências

  1. «Discografia Complexo J». Gospel Music Café. Consultado em 21 de dezembro de 2014 
  2. a b c «Complexo J - discografia e obra». O Propagador. Consultado em 21 de setembro de 2015. Arquivado do original em 2 de outubro de 2015 
  3. «Rocklogia - Complexo J». O Propagador. Consultado em 21 de dezembro de 2014. Arquivado do original em 21 de dezembro de 2014 
  4. «100 melhores álbuns dos anos 1980». Super Gospel. Consultado em 27 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 27 de agosto de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Complexo J é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.