Társila Córdoba Belda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Társila Córdoba Belda (Sollana, 8 de maio de 1861Algemesí, 17 de outubro de 1936) foi uma mártir católica, morta durante a Guerra Civil Espanhola. Após a tragédia pessoal da morte de seu esposo e de seus três filhos, participou ativamente da vida eclesiástica.[1] Foi beatificada pelo Papa João Paulo II em 11 de março de 2001.[2] Sua festa é celebrada em 22 de setembro (mas há uma festa particular celebrada em 17 de outubro[3]).

Referências

  1. RABENSTEIN, K. I. "ABAD CASASEMPERE, AMALIA, AND COMPANIONS, BB.". New Catholic encyclopedia, 2ª ed., vol. 1, p. 4 [The Catholic University of America, Gale: 2003].
  2. OFICINA de las Celebraciones Litúrgicas del Sumo Pontífice. "Capilla Papal Presidida por el Santo Padre Juan Pablo II para la Beatificación de los Siervos de Dios". Acesso em 10/03/08.
  3. VILLALTA, Xavier. Tarsila Cordoba Belda. Acesso em 10/03/08.
Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um santo, um beato ou um religioso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.