Taira no Tomomori

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Fantasma de Taira no Tomomori na baia de Daimotsu.

Taira no Tomomori (平知盛? , 1152-1185) foi o quarto filho de Taira no Kiyomori, e um dos comandantes do Clã Taira durante as Guerras Genpei no final do Período Heian da História do Japão .

Tomomori venceu a Batalha de Uji, em 1180, e também, a Batalha de Sunomatagawa em 1181, quando, depois de obrigar as forças do Clã Minamoto a se retirarem [1] , Tomomori na Batalha de Yahagigawa foi acometido por uma febre [2] , terminando com a perseguição.

Tomomori voltou a vencer os Minamoto na Batalha Naval de Mizushima dois anos mais tarde. As forças do Clã Taira ataram com cordas seus barcos, com a finalidade de criar uma maior superfície estável para disparar flechas de fogo e para o combate corpo a corpo. Na Batalha de Dan no Ura, quando os Taira foronam derrotados decisivamente por seus rivais, Tomomori se uniu a muitos de seus companheiros de clã se jogando ao mar e cometendo suicídio [3] .

A história de Tomomori se tornou um tema popular nas peças kabuki como em Funa Benkei [4] .


Referências

  1. Stephan R. Turnbull (1977). The Samurai. A Military History (em inglês) (New York: MacMillan Publishing Co.). p. 54. ISBN 9781873410387. 
  2. Alan Axelrod (2009). Little-Known Wars of Great and Lasting Impact. The Turning Points in Our History We Should Know More About (em inglês) (Beverly: Fair Winds). p. 52. ISBN 9781592333752. 
  3. LOUIS FREDERIC (2008). O Japão. Dicionário e Civilização (Rio de Janeiro: Globo Livros). p. 1125. ISBN 9788525046161. 
  4. LOUIS FREDERIC (2008). O Japão. Dicionário e Civilização (Rio de Janeiro: Globo Livros). p. 303. ISBN 9788525046161. 


Ícone de esboço Este artigo sobre História do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.