Toward the Within

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde agosto de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Toward the Within
Álbum ao vivo de Dead Can Dance
Lançamento 25 de Outubro de 1994
Gravação Novembro de 1993, no Teatro Mayfair (Santa Monica, Califórnia)
Gênero(s) world music
Duração 67:56
Formato(s) K7, CD
Gravadora(s) 4AD/Warner Bros.
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Toward the Within é o único álbum oficial ao vivo da banda Dead Can Dance, lançado em Outubro de 1994. O álbum foi gravado em um único take em Novembro de 1993 no Teatro Mayfair em Santa Monica, California. Foi o último grande evento a ocorrer nesse edifício; pouco tempo depois seria seriamente danificado por um sismo e teve de ser demolido.

Contém 15 canções, das quais apenas 4 provém dos seus álbuns anteriores, e duas que mais tarde viriam a ser regravadas e incluídas no primeiro álbum a solo de Lisa Gerrard, The Mirror Pool. As restantes nunca haviam sido oficialmente lançadas, embora já tivessem feito parte de anteriores concertos ao vivo da banda. Com Perry e Gerrard estavam vários músicos que já haviam tocado com eles noutras ocasiões.

Em 2001, Toward the Within foi relançado em DVD e incluído na box set Dead Can Dance (1981-1998). Em adição ao conteúdo original, a versão em DVD contém alguns extras: uma discografia; os videoclipes de "Frontier", "The Protagonist" e "The Carnival Is Over"; e um capítulo do filme Baraka, intitulado "Calcutta Foragers/Homeless", que tem como banda sonora a canção "The Host of Seraphim".

A letra da canção "I Am Stretched on Your Grave" é baseada num poema anónimo do século XVII.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Rakim" – 6:25
  2. "Persian Love Song" – 2:56
  3. "Desert Song" – 4:20
  4. "Yulunga (Spirit Dance)" (de Into the Labyrinth) – 7:12
  5. "Piece for Solo Flute" – 3:34
  6. "The Wind That Shakes the Barley" (de Into the Labyrinth) – 3:12
  7. "I Am Stretched on Your Grave" – 4:38
  8. "I Can See Now" – 2:56
  9. "American Dreaming" – 4:55
  10. "Cantara" (de Within the Realm of a Dying Sun) – 5:15
  11. "Oman" – 5:49
  12. "The Song of the Sybil" (de Aion) – 4:31
  13. "Tristan" – 1:48
  14. "Sanvean" – 4:05
  15. "Don't Fade Away" – 6:12
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Dead Can Dance é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.