Vegaøyan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Vegaøyan - Arquipélago de Vega *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Sola.jpg
País  Noruega
Tipo Cultural
Critérios v
Referência 1143
Região** Europa e América do Norte
Histórico de inscrição
Inscrição 2004  (28ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.
** Região, segundo a classificação pela UNESCO.

Vegaøyan (norueguês), ou o arquipélago de Vega (em tradução), é um grupo de ilhas no mar norueguês que corresponde aproximadamente ao município de Vega. Desde 2004, tem sido um Patrimônio Mundial da UNESCO.[1] Este conjunto tem cerca de 6.500 ilhas pequenas no condado de Nordland, ao sul do círculo ártico, que rodeiam a principal ilha de Vega e foi habitada desde a Idade da Pedra.

Descrição[editar | editar código-fonte]

As ilhas dão testemunho de um estilo de vida frugal distintivo, baseado na pesca e na criação de patos eider, num ambiente inóspito. Há vilas de pescadores, cais, casas (construídas para ninhos dos eiders), terras agrícolas, e faróis. Há evidências de assentamentos humanos desde a Idade da Pedra. No século IX, as ilhas tornaram-se um importante centro de abastecimento de penugem, o que parece ter representado cerca de um terço da renda das ilhas.

O arquipélago de Vega reflete a forma como gerações de pescadores/agricultores, ao longo dos últimos 1500 anos, mantiveram uma vida sustentável numa paisagem marinha inóspita perto do Círculo Polar Ártico, com base na prática agora única de coletar eiders, e também celebrar a contribuição feita pelas mulheres no processo de penugem dos eiders.[1]

O acesso ao arquipélago é por ferry boat ou barco a partir da cidade de Brønnøysund no município de Brønnøy, onde pode ser chegado por avião ou por estrada.

Área importante para os pássaros[editar | editar código-fonte]

O arquipélago foi identificado como uma Área Importante para Preservação de Aves (IBA) pela BirdLife International, porque suporta populações de gansos-bravos, ganso-de-faces-brancas, eiders comuns, mobelha-grande, corvo-marinho-de-faces-brancas, corvo-marinho-de-crista, águia-rabalva, pilrito-escuro e airo-de-asa-branca.[2]

Referências

  1. a b "Vegaøyan -- The Vega Archipelago". UNESCO.
  2. "Vega archipelago"Important Bird Areas factsheet. BirdLife International. 2013.