WV22

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
WV22
Tumba de Amenófis III
Amenófis III e o deus Suco.
Localização Vale dos Reis, no Vale Ocidental, próximo somente da WV A
Extensão total 126.68 m [1]
Área total 554.92 [1]
Descoberta em 1799 [1]
Escavada por Theodore M. Davis (1905-14), Howard Carter (1915), Waseda University (1989-) [1]

A tumba WV22 (acrônimo de "West Valley #22"), no Vale dos Reis, é a tumba do faraó Amenófis III do período Império Novo. Esta tumba é a única que contém duas câmaras secundárias para as duas esposas do faraó, Tiy e Sitamon, e é possível que inicialmente elas tenham sido lá sepultadas.

A arquitetura e decoração da tumba é típica das do mesmo período, entretanto, a decoração desta é de qualidade muito mais fina. Aparentemente a tumba foi iniciada por Tutemés IV, baseando-se em objetos com seu nome encontrados na tumba, mas decorada e terminada por Amenófis III.

A tumba foi oficialmente descoberta por Prosper Jollois, Devilliers du Terrage e Réné Édouard engenheiros da Campanha do Egito das forças de Napoleão em agosto de 1799, mas sabe-se agora que a tumba já era conhecida por William George Browne antes desta época.[1] Imagens da cabeça do faraó podem ser vistas hoje no Museu do Louvre.

O sarcófago da tumba foi removido ainda na Antiguidade e não se sabe o que aconteceu com ele desde então.

Referências

  1. a b c d e «Theban Mapping Project (em inglês)». Consultado em 3 de setembro de 2008. Arquivado do original em 28 de fevereiro de 2011 
  • Reeves, N & Wilkinson, R.H. The Complete Valley of the Kings, 1996, Thames and Hudson, London
  • Siliotti, A. Guide to the Valley of the Kings and to the Theban Necropolises and Temples, 1996, A.A. Gaddis, Cairo

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Egiptologia é um esboço relacionado ao Antigo Egito. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.