Zona bentônica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Microfotografia de animais típicos da zona bentônica


A zona bentônica é a região do ambiente marinho situada próxima do fundo oceânico. A fauna desta região caracteriza-se por organismos que rastejam, se prendem ou vivem enterrados na areia ou no lodo, o bentos, mas também abriga muitos animais do nécton, como os linguados e várias espécies de tubarão.[1]

A zona bentônica se subdivide em:

  1. Litoral (intertidal) - desde a linha da maré mais alta até à da maré mais baixa; vida animal e vegetal abundante.
  2. Sublitoral - da linha da maré baixa até a extremidade da plataforma continental; vida animal abundante; bancos de algas e ervas marinhas; são os principais campos de pesca.
  3. Zona batial - no declive ou talude continental; situa-se nos fundos da zona batipelágica oceânica.
  4. Abissal - os fundos oceânicos com profundidade média abaixo dos 2000 m, até o nível superior das valas oceânicas; possui fauna escassa e nenhuns organismos fotossintetizadores, uma vez que a luz do sol não consegue penetrar até estas profundidades.
  5. Hadal. O fundo das fossas oceânicas.

Referências

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • STORER, T.I. & USINGER, R.L.: "Zoologia Geral". Companhia Editora Nacional, São Paulo, pag. 224-226.
Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.