A Tale of Two Cities

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A Tale of Two Cities
Um Conto de Duas Cidades
A Tale of Two Cities title page.png
Autor (es) Charles Dickens
Idioma inglês
País  Reino Unido
Género Ficção; Romance Histórico
Série Semanal: 30 de abril de 1859 - 26 de novembro de 1859
Espaço onde decorre a história Londres e Paris
Ilustrador Hablot Knight Browne (Phiz)
Arte de capa Hablot Knight Browne (Phiz)
Editora Bradbury & Evans
Lançamento 1859
Cronologia
Último
Último
Little Dorrit
Great Expectations
Próximo
Próximo

A Tale of Two Cities (Um Conto de Duas Cidades, em português) é um romance histórico de autoria de Charles Dickens lançado em 1859; é também um romance que trata de temas como culpa, vergonha e retribuição. A principal fonte para Dickens escrever o livro com fundo histórico é The French Revolution (A Revolução Francesa), de Thomas Carlyle. A narrativa é extraordinariamente dependente da correspondência como meio de avançar o fluxo de acontecimentos, e apesar de não ser uma obra epistolográfica no sentido definido por Les Liaisons Dangereuses (Ligações Perigosas) de Pierre Choderlos de Laclos, percebe-se rapidamente que a troca de correspondências forma um centro impulsionador para a maior parte do desenvolvimento da narrativa. O livro cobre o período entre 1775 e 1793, da Independência americana até o meio do período da Revolução francesa.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre A Tale of Two Cities
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikisource Textos originais no Wikisource
Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.