Adam Carolla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Adam Carolla
em 2007
Nascimento 27 de maio de 1964
Philadelphia, Pennsylvania, Estados Unidos
Nacionalidade Estados Unidos estadunidense
Ocupação comediante, escritor de comédia, radialista, ator
Cônjuge Lynette Paradise
Página oficial
IMDb: (inglês)

Adam Carolla (Philadelphia, 27 de maio de 1964) é um comediante estadunidense, escritor de comédia, radialista e também ator.

Carolla alcançou a fama por: Co-apresentar o programa de rádio Loveline, de 1995 a 2005 (e sua encarnação na MTV de 1996 a 2000). Co-criar e co-apresentar o programa de televisão "The Man Show" (no Brasil: O Mundo dos Machos) de 1999 a 2004). Co-criar e apresentar o programa de televisão Crank Yankers (de 2002 até hoje).

Carolla, atualmente, apresenta o The Adam Carolla Show, um programa de rádio semanal transmitido de Los Angeles e sindicado em onze mercados da costa oeste.

Em 2006, Carolla terminou o seu trabalho no The Hammer, um filme independente que ele co-estrelou e co-produziu. Ele faz o papel principal no filme junto com Heather Juergensen. O filme foi bem visto no Tribeca Film Festival de 2007, e vai ser lançado em 7 de março de 2008.

Citações[editar | editar código-fonte]

Do programa "Loveline"
  • "Eu fiquei embriagado lá no Canadá. Estive lá durante 2 dias, mas eu estava bêbado lá durante 4 dias. Não sei como ela funciona. Eu acho que o país estava com a diferença horária ou coisa parecida".
  • "A única oportunidade que temos para a sobrevivência, seja como país ou como um planeta, é se os idiotas deixarem de ter filhos. Ouça: não enrole os seus filhos, ou não tenha nenhum! É bem como possuir um cavalo: Se você não pode mantê-lo em um alojamento, ou alimentá-lo com um feno, ou escová-lo de vez em quando, então não tenho um! Você percebe o que quero dizer? Simplesmente, nós não dispomos de um cavalo para largá-los na podridão do estaleiro!"

Homenagens[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]