Adhan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2008).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Adhan ou Athaan (IPA: /ʔæðæːn/; em árabe, أَذَان) é a chamada para o salá (oração), feita aos muçulmanos, pelo muezim, a partir do minarete ou do exterior da mesquita, caso esta não possua minarete. Há uma segunda chamada (iqama) que convoca os fiéis a se enfileirarem para o início das orações. Por obrigação (fard), os muçulmanos fazem suas orações cinco vezes por dia.

Segundo a tradição, o adhan consistia originalmente numa frase simples ("Vinde à oração!"), mas o profeta Muhammad (Maomé) pediu ao seus crentes uma forma de tornar o apelo mais sofisticado. Num sonho, o companheiro Abd Allah ibn Zayd teve a visão de que os crentes deveriam ser chamados de uma forma melodiosa, que é a forma que se impôs.

O adhan[editar | editar código-fonte]

O prática do chamado consiste na seguinte recitação:

Repetições Árabe Transliteração Tradução
4x الله اكبر Allāhu Akbar Deus é o Maior
2x اشهد ان لا اله الا الله Ash-hadu an-lā ilāha illallāh Testemunho que não há outra divindade além de Deus
2x اشهد ان محمدا رسول الله Ash-hadu anna Muħammadan rasūlullāh Testemunho que Maomé é o mensageiro de Deus
2x حي على الصلاة Hayya 'alas-salāh Venha para a oração
2x حي على الفلاح Hayya 'alal-falāħ Venha para a salvação
2x الصلاة خير من النوم Aṣ-ṣalātu khayru min an-naūm A oração é melhor que o sono *
2x الله اكبر Allāhu akbar Deus é o maior
1x لا اله الا الله Lā ilāha illallāh Não há outra divindade além de Deus

* É mencionado na primeira oração do dia (salat al fajr).

Ícone de esboço Este artigo sobre o Islamismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.