Aguarrás

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Aguarrás é a essência da terebintina, uma mistura de hidrocarbonetos alifáticos, com faixa de destilação compreendida entre 151 e 240°C. É utilizada principalmente como solvente e também na fabricação de ceras, graxas e tintas.

Durante algum tempo foi preterida pela benzina, um derivado do petróleo, mais barato, porém mais tóxico.

Principais Aplicações[editar | editar código-fonte]

  • Lavanderias (ou lavandarias): utilizada no processo de lavagem a seco, sendo mais escolhida em função de apresentar vantagens sobre os solventes sintéticos como o percloroetileno:
-menor custo por litro e por peso de roupa lavada;
-vapores com menor toxicidade e que não agridem a camada de ozônio;
-maior estabilidade e menor corrosividade;
-facilidade de recuperação maior.
  • Tintas e vernizes: utilizada na formulação de tintas e como diluente de resinas ou vernizes.
  • Artigos de limpeza: como matéria-prima na fabricação de ceras para assoalhos, na formulação de produtos para limpeza e polidores.
  • Outras aplicações: usado como desengordurante de couros, na limpeza industrial de máquinas, ferramentas e peças metálicas produzidas.

Características físico-químicas[editar | editar código-fonte]

A aguarrás é uma mistura de hidrocarbonetos alifáticos voláteis, que apresenta ponto de fulgor médio de aproximadamente 45°C. Quando a sua temperatura se eleva além do ponto de fulgor, o líquido libera vapores que podem formar com o ar uma mistura inflamável. Seu manuseio, utilização e guarda requerem todos os cuidados que se aplicam aos solventes de origem petroquímica, devendo ser mantido longe de fontes de ignição, chamas e faíscas.

É classificado como um produto irritante à pele e às vias respiratórias, portanto, se deve evitar inalação de seus vapores e um contato prolongado com a pele, sugerindo-se para sua manipulação a utilização de máscara contra vapores voláteis e luvas.

Ver também[editar | editar código-fonte]