Alfonso Ferrabosco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Alfonso Ferrabosco (I) (18 de janeiro, de 154312 de agosto, de 1588) foi um compositor madrigalista italiano.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Pouco se sabe sobre o seu início de vida, é conhecido por ter estado, em Roma e em Lorena, ao serviço de Charles de Guise. Em 1562, provavelmente com seu tio, foi para Inglaterra ao serviço de Elizabeth I. Morreu em Bolonha em 1588 com 45 anos. O seu filho Alfonso Ferrabosco (II) também foi compositor.

Música[editar | editar código-fonte]

Ferrabosco levou o madrigal para a Inglaterra. A maior parte dos seus madrigais foram escritos para cinco e seis vozes. Além de madrigais, escreveu música sacra, incluindo motets, lamentos, e vários hinos, todos em estilo vocal à cappella. Escreveu também música instrumental: fantasias, pavanas, galliards, In Nomines, passamezzos, para uma variedade de combinações instrumentais incluindo alaúde e violas.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Cockshoot, John V. "Alfonso Ferrabosco (I)." The New Grove Dictionary of Music and Musicians, ed. Stanley Sadie. 20 vol. London, Macmillan Publishers Ltd., 1980. ISBN 1-56159-174-2
  • Gustave Reese, Music in the Renaissance. New York, W.W. Norton & Co., 1954. ISBN 0-393-09530-4
Ícone de esboço Este artigo sobre um compositor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.