Antoine Caron

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Augusto e a Sibila do Tibre, c.1578

Antoine Caron (Beauvais, 1521 - Paris, 1599) foi um pintor, gravurista, vidreiro e ilustrador francês, e integrante da Escola de Fontainebleau.

Dedicou-se à arte desde a juventude realizando afrescos em igrejas. Entre 1554 e 1550 trabalhou com Francesco Primaticcio e Niccolò dell'Abbate na Escola de Fontainebleau. Em 1561 foi indicado pintor da corte de Catarina de Medici e Henrique II, tornando-se responsável também pela organização de festividades reais.

Poucos trabalhos seus sobreviveram, mas o que resta mostra cenas alegóricas, cerimônias da corte, cenas históricas e outras com motivos astrológicos. Usou cores incomuns e extravagantes arquiteturas de fundo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Antoine Caron

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) pintor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.