Associação Internacional de Críticos de Arte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA) (Association Internationale des Critiques d’Art) é uma organização fundada em 1950 em França[1] com o objetivo de revitalizar o discurso sobre arte que havia sofrido sob o impacto do fascismo durante a II Guerra Mundial.

Inicialmente era filiada à UNESCO como uma organização não-governamental[2] . Hoje ela possui mais de quarenta mil filiados, de setenta e dois países. Outros objetivos da AICA são assegurar que o trabalho dos críticos tenha boa base teórica e conceitual, proteger os interesses éticos e profissionais da classe, garantir a comunicação entre seus membros encorajando encontros internacionais, e facilitar e fomentar o intercâmbio internacional no campo das artes.

Referências

  1. História AICA Internacional. Página visitada em 9 de janeiro de 2013.
  2. História AICA Portugal. Página visitada em 9 de janeiro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Arte ou História da arte é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.