Atol Rose

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Atol Rose
Atol
Dados
País Estados Unidos
Ilha principal Rose Island
Línguas -
População (2009) Desabitado
Área 0,214 km²
Área de lagoa 4,8 km²
N.º de ilhas 2
Coordenadas
Localização do atol.

Atol Rose, também conhecido como Motu Manu, é um dos dois atois da Samoa Americana, situado a leste das Ilhas Manua. Como território dos Estados Unidos da América constitui o ponto mais meridional do país.

É o menor atol do mundo em superfície, com apenas 8 hectares, ou 80 mil metros quadrados, de terra[1]


História[editar | editar código-fonte]

Foi descoberto por Jacob Roggeveen, em 13 de junho de 1721, e, a princípio chamou-se Vuyle (ilha dos pássaros). Em 21 de outubro de 1819 chegou o francês Louis de Freycinet. Sua esposa, Rose Marie Pinon, embarcou clandestinamente disfarçando-se de marinheira para burlar as ordens da marinha. Freycinet então nomeou o atol de L'Île Rose em homenagem a sua mulher, e escrever no diário de bordo: "o nome de uma pessoa extremamente querida". O desejo de Rose Pinon que a ilha se visse livre de naufrágios só durou 50 anos até que o barco norte-americano Good Amornar caiu nos recifes e só sobreviveram três tripulantes. Em 2 de abril de 1824 foi visitado por Otto von Kotzebue que o chamou de Kordinkov, nome de seu primeiro tenente.


O Atol e seus dois Ilhéus: Rose Island e Sand Island.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O atol tem uma forma quase quadrada. A superfície terrestre é de 0,214 km² e a superfície total, incluindo a lagoa e os recifes, é de 5 km². Dispõe de um canal de entrada para a lagoa de 40 m de largura. Só tem dois ilhéus: Rose Island no extremo nordeste, com 3'5 m de altitude, e Sand Island ao norte, ao lado da passagem, com 1'5 m de altitude. O atol é inabitado, mas está protegido como reserva natural. O "Rose Atoll National Wildlife Refuge" é gerido pelo US Fish and Wildlife Service e o governo da Samoa Americana.


Fauna e Flora[editar | editar código-fonte]

O atol abriga árvores gigantescas de 26 metros de altura e é uma zona vital de reprodução para tartarugas marinhas ameaçadas de extinção.[2]


Galeria de Fotos[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Atol Rose


Referências


Links Externos[editar | editar código-fonte]