Batalha de Albelda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Reconquista Cristã
CovadongaLodosBurbiaClavijoAlbeldaSimancasOsmaTalaveraCalatañazorZalacaUclésOuriqueLisboaSacavémAlarcosNavas de TolosaSaladoCeutaGranada
[editar]

Batalha de Albelda é um nome usado para referir dois confrontos nos arredores de Albelda, Espanha, entre forças cristãs, dirigidas por Ordonho I das Astúrias, e muçulmanas, dirigidas por Musa ibn Musa dos poderosos Banu Qasi.

Primeira batalha[editar | editar código-fonte]

Da primeira contenda, em 846, resultou a derrota dos cristãos, trazendo como recompensa a nomeação de Musa ibn Musa como wali da Marca Superior (852-859).

Segunda batalha[editar | editar código-fonte]

Em 859, nova batalha foi travada no mesmo local, agora com Ordonho acompanhado de Garcia Iñiguez de Pamplona, quem, segundo a Crónica de Afonso III, abandonava a aliança tradicional com os Banu Qasi para aliar-se aos asturianos, resultando numa estrondosa vitória cristã.

Ver também[editar | editar código-fonte]