Canna glauca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaPiriquiti
Piriquiti em jardim de Rosário, em Santa Fé, na Argentina

Piriquiti em jardim de Rosário, em Santa Fé, na Argentina
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Angiospermas
Classe: Comelinídeas
Ordem: Zingiberales
Família: Cannaceae
Género: Canna
Espécies
Canna glauca L.
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Wikispecies Diretório no Wikispecies

O piriquiti[1] (Canna glauca L.) é uma planta rizomatosa da família Cannaceae, de flores vistosas, amarelas, hermafroditas e assimétricas, nativa da América tropical. Pode ser cultivada em canteiros e em vasos com terra a pleno sol ou a meia sombra. Os frutos são secos, contendo sementes escuras e arredondadas. Multiplica-se por sementes ou por divisão de brotos que surgem da planta-mãe. As sementes podem levar de poucos dias a alguns meses para germinar.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

"Piriquiti" é um termo que se origina do tupi piriki'ti.[1]

Referências

  1. a b FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 338