Caverna dos Tesouros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Caverna dos Tesouros é um livro escrito em siríaco, atribuído a Éfrem da Síria.[1]

O livro é uma crônica histórica, baseada nas Escrituras, narrando os 5500 anos desde a criação de Adão até o nascimento de Cristo.[1] Ele é dividido em cinco capítulos de mil anos cada e um capítulo final de quinhentos. Os capítulos do livro são:

  • Primeiro milênio: desde a criação do mundo até quando os descendentes de Sete desceram da montanha onde viviam e se misturaram aos descendentes de Caim.[2]
  • Segundo milênio: desde a invenção da música pelos descendentes de Caim até o Dilúvio.[3]
  • Terceiro milênio: desde o Dilúvio até o reinado de Nimrod.[4]
  • Quarto milênio: desde o início de vários reinos (Egito, Sabá, Ofir, Havilá, Índia) até a época do juiz Eúde.[5]
  • Quinto milênio: da época do juiz Eúde até o reinado de Ciro, o Grande.[6]
  • Sexto milênio: os quinhentos anos desde Ciro até o nascimento de Cristo.[7]

Referências

  1. a b E. A. Wallis Budge, tradutor do livro, Introduction [em linha]
  2. Caverna dos Tesouros, O primeiro milênio: de Adão a Jarede [em linha]
  3. Caverna dos Tesouros, O segundo milênio: de Jarede ao Dilúvio [em linha]
  4. Caverna dos Tesouros, O terceiro milênio: do Dilúvio ao reinado de Reú (sic) [em linha]
  5. Caverna dos Tesouros, O quarto milênio: do reinado de Reú (sic) até o 26o ano da vida de Eúde [em linha]
  6. Caverna dos Tesouros, O quinto milênio: do 26o ano da vida de Eúde ao segundo ano do reinado de Ciro [em linha]
  7. Caverna dos Tesouros, Os quinhentos anos desde segundo ano do reinado de Ciro até o nascimento de Cristo [em linha]